2

Andei observando que as expressões condicionais em Java que são formadas apenas por literais ou constantes (ou operações entre eles) são avaliadas de maneiras diferentes. Sendo assim, o código abaixo compila normalmente:

public class Main {

    public static void main(String[] args) {
        if (true) {
            System.out.println("teste");
        }
        while (true) {
            System.out.println("teste");
        }

    }
}

Porém, o este outro trecho não compila. O compilador reclama de "Unreachable code" somente na parte do while, sendo que a parte dentro do if também é "unreachable".

public class Main {

    public static void main(String[] args) {
        if (false) {
            System.out.println("teste");
        }
        while (false) {
            System.out.println("teste");
        }

    }
}

Gostaria de saber se é possível fazer com que "unreachable codes" dentro de blocos if como no exemplo acima sejam tratados também como erros em tempo de compilação. Alguém sabe de alguma flag que posso passar pro compilador para isso acontecer? (se é que essa flag existe) Ou um mecanismo parecido?

3

Ocorre que há uma otimização feita pelo compilador que identifica realmente que o código dentro do IF não será executado, porém escolhe apenas omití-lo e não gerar um erro de "unreachable code". Esse tratamento diferenciado em relação ao laço WHILE é útil, principalmente para que programadores possam definir "flags" de DEBUG e RUNTIME:

static final boolean DEBUG = false;
if (DEBUG) {
...
...
...
}

A condição acima seria impossível se o compilador decidisse lançar erros de "unreachable code", ao invés de omitir o código dentro do IF quando não for DEBUG

Referência: http://docs.oracle.com/javase/specs/jls/se8/html/jls-14.html#jls-14.21

2

Não creio que o compilador javac tenha alguma opção para isto.

Contudo, neste caso, o recomendável é usar pelo menos uma (pode ser mais) das ferramentas de análise estática do código, tais como: Checkstyle, PMD e Findbugs.

Realizar análise estática significa varrer o código-fonte ou bytecode procurando por erros comuns, sintaxe incorreta e riscos de bugs.

Se o projeto usa Maven, Gradle ou alguma outra ferramenta para fazer o build, pode integrar a análise no processo para que ela seja executada automaticamente e gere erros caso alguma regra seja quebrada.

IDEs como Eclipse e IntelliJ possuem plugins capazes de integrar a análise com essas ferramentas e, por si só, também são capazes de executar algumas análises. Em geral, essas IDEs possuem configurações para aumentar o nível do problema de um aviso (warning) para um erro, forçando o desenvolvedor a corrigir o problema.

Entretanto, enquanto uma IDE funciona bem para o desenvolvimento individual, equipes geralmente precisam de um processo padrão, possivelmente com integração contínua, portanto a solução recomendada é usar uma ferramenta como Maven ou Gradle aliada às demais ferramentas de análise citadas acima.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.