1

Devo definir a chave primária da minha tabela como auto_increment ou defini-la como numérico, gerando a chave dentro da minha aplicação?

Contextualização

Estou desenvolvendo uma aplicação em C# e testando-a em um banco de dados Access, para depois passá-la para um banco MySQL.

Um problema que me passou pela cabeça foi:

1) Com uma chave do tipo auto_increment, para saber a chave primária do registro que salvei, vou ter que ir no banco e buscá-la após ter salvo os dados.

2) Com uma chave manual (criada pela aplicação), não vou precisar fazer o passo 1), pois já vou ter criado a chave primária dentro da aplicação antes de salvar os dados.

  • "Com uma chave do tipo auto_increment, para saber a chave primária do registro que salvei, vou ter que ir no banco e buscá-la após ter salvo os dados." - normalmente esse valor é devolvido pelo DB de maneira segura, sem "custo" significativo, quando a aplicação faz nova inserção. No caso do 2 você não tem o mínimo controle de não criar chaves repetidas se sua mais de uma aplicação for executada, ou se sua aplicação tiver mais de uma thread alterando o DB. – Bacco 13/11/16 às 17:02
1

Devo definir a chave primária da minha tabela como auto_increment ou defini-la como numérico, gerando a chave dentro da minha aplicação?

No banco de dados sempre.

1) Com uma chave do tipo auto_increment, para saber a chave primária do registro que salvei, vou ter que ir no banco e buscá-la após ter salvo os dados.

Perfeito, é assim que deve ser. Algo assim. É simples, confiável e rápido.

Na pergunta original falava em pegar o último ID criado e incrementá-lo manualmente. Não é fácil fazer isso certo e pode causar uma penalidade de tempo. Se fizer errado pode ter uma condição de corrida.

2) Com uma chave manual (criada pela aplicação), não vou precisar fazer o passo 1), pois já vou ter criado a chave primária dentro da aplicação antes de salvar os dados.

E pode criar uma chave que já foi criada por outro cliente. Não faça isso.

Até pode fazer se usar GUID ou algo parecido, mas é uma complicação que só compensa em casos bem específicos. Não é fácil fazer certo.

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.