6

Exite alguma forma de verificar quais variáveis não são usadas dentro do escopo de uma classe?

Como no exemplo abaixo, as variáveis teste1 e teste4 não tem utilidade nenhuma dentro da aplicação, como poderia localizar tais variáveis?

using System;
using System.Web.UI;
namespace bDBContext
{
    public partial class _Default : Page
    {
        string teste1 = ""; // não usada
        bool ok = true; // usada
        string teste2 = ""; // usada

        protected void Page_Load(object sender, EventArgs e)
        {
            string teste3 = teste2; // usada

            if (ok)
            {
                string teste4 = ""; // não usada
            }
        }

        public void Salvar()
        {
            string teste5 = ""; // usada
            if (string.IsNullOrEmpty(teste4))
            {

            }
        }
    }
}

Algo não tenha que usar ferramentas paga de terceiros como o Resharper.

  • 2
    Dê mais detalhes. Serve qualquer coisa no VS? Qualquer edição/versão? Pode ser outras ferramentas grátis? Pode ser algo escrito por você? Está falando dos campos da classes? Não das variáveis dos métodos? Tem um exemplo? – Maniero 26/10/16 às 18:31
  • @bigown, editei a pergunta. – Marconcilio Souza 26/10/16 às 18:53
  • Irei ver todas as opções abaixo antes de escolher a que mais nem convêm. – Marconcilio Souza 27/10/16 às 11:11
5

Versões de Entrada do Visual Studio

Não existe nada embutido no Visual Studio (nas versões de entrada) exceto os avisos de warnings durante a compilação. Esses avisos informam as variáveis nunca usadas (note que uma variável privada que é atribuída dentro de um construtor, mas não é mais utilizada fora dele não é reportada como não utilizada, até onde sei).

Você pode dar um duplo clique em cada aviso que será levado para a linha de código onde a variável, ou método não utilizada(o) foi declarada.

O ideal é usar uma ferramenta, e a melhor é o Resharper, mas como é pago, talvez uma solução seja usar o FxCop que é gratuito: https://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=6544

Versões Premium do Visual Studio

Para as versões Premium e Ultimate do Visual Studio 2012, 2013 e 2015 a funcionalidade de Static Code Analysis foi derivada e evoluída do FxCop, portanto, se você já tem uma versão premium do Visual Studio, deve ter acesso a essas funcionalidades.

No meu Visual Studio 2012 Ultimate eu acesso a análise de código pressionando ALT+F11 ou com o botão direito do mouse como mostrado na imagem abaixo:

Selecionado Code Analysis no Visual Studio Ultimate 2012

Na tela de execução da análise de código você provavelmente precisará configurar quais regras de análise quer usar (colocar todas é legal, mas pode ser demais). Para pegar variáveis não usadas escolhi a opção exibida na imagem abaixo:

inserir a descrição da imagem aqui

5

Existe uma extensão gratuita que faz isso:CodeMaid

Ela não é tao completa como o Resharper, mas adiciona vários atalhos que não existem nativamente no Visual Studio.

Funciona com as versões express e community.

  • Poderia indicar onde tem uma informação sobre isso que faz o que está na pergunta? – Maniero 28/10/16 às 13:19
4

Depende da configuração do compilador, mas já faz isso por padrão.

Se for campo privado o compilador pode emitir warning. Especialmente os CS609 e CS414 alertam sobre campos não usados, sem e com valor, respectivamente.

Campos públicos fica mais complicado porque pode ser normal na classe que ele não seja usado dentro da classe. Sobre alertar o não uso de campos internos já foi debatido sobre.

Variáveis locais são alertadas com o CS0219 e o CS0168.

Também é possível usar a ferramenta da Microsoft de análise de código, nesse caso seria o warning CA1823. Mas não vejo necessidade, ele não faz mais do que o compilador já faz para esse caso.

Tem outros warnings que podem verificar coisas semelhantes.

Em campos públicos é bem mais complicado fazer a verificação, há casos que nem faz sentido. Mas é possível. Esse é um dos motivos de eu não dispensar o ReSharper.

3

Eu recomendaria usar o Code Cracker.

É uma extensão para análise de código que age diretamente como um Analyzer do Roslyn. Além disso, é open-source e seu código está disponível no GitHub

Por fim, é desenvolvida por brasileiros, e o povo que criou a extensão é bem receptivo e tranquilo pra conversar e ajudar, e bastante ativos na comunidade.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.