4

Qual a diferença entre estes dois tipos de criação/instanciação de um objeto?

Usuario usuario = new Usuario();
    usuario.listar();

    new Usuario().listar();
5

Genericamente falando é a mesma coisa.

Usuario usuario = new Usuario();
usuario.listar();

Obviamente o primeiro é armazenado em uma variável usuario e o objeto pode ser usado para outras coisas. A chamada do método listar()ocorrem em cima da referência armazenada em usuario.

No segundo o objeto é criado na parte do new Usuario(), chama o método desejado (usando como base o objeto que acabou de ser criado), e ele deixa de ser acessível no seu código logo depois, já que não haverá referências para ele.

Só lembrando que não ser acessível não significa que o objeto será destruído imediatamente, só0 quando o coletor de lixo do Java entrar em ação é que ele será destruído.

Acho que cabe lembrar que uma variável é apenas um nome que se dá para um endereço de memória. Através dela você pode se referenciar a esse endereço de memória de forma fácil e legível no código, o compilador se vira para manter uma referência correta. Sem a variável o objeto que está em um endereço de memória não é controlado pela aplicação, o compilador não armazena nada e o objeto fica "solto" e sem acesso posterior justamente porque não tem um nome para se referenciar.

Há casos que se o segundo é necessário talvez fosse o caso do método ser estático, mas não posso falar que desse caso que não é concreto.

O exemplo funcional no ideone e no CodingGround.

3
Usuario usuario = new Usuario();

Você está criando um objeto Usuario e atribuindo a uma variável. Depois desta linha o objeto está acessível pela referência usuario.

new Usuario().listar();

Você está criando um objeto da mesma forma, e utilizando um método deste objeto, - neste caso, talvez o método poderia ser static, então você usaria Usuario.listar() - porém não está atribuindo o objeto criado a uma variável, depois desta linha o objeto está inacessível.

Que diferença faz o objeto estar acessível ou inacessível?

Todo objeto inacessível é considerado elegível para o garbage collector.

3

Criar um objeto assim:

new Usuario();

Implica em não guardar a referência dele em uma variável. Isso pode ser feito, por exemplo, quando você precisa apenas instanciar, chamar um método, não precisando do objeto depois.

Por outro lado, fazer assim:

Usuario usuario = new Usuario();

Implica em guardar a referência (leia-se endereço de memória) do objeto criado na variável usuario.

No final, o efeito de instanciar um objeto é o mesmo nas duas situações. A única diferença, como dito, é que no primeiro caso você não tem como referenciar o objeto na linha seguinte do seu código.

Sobre chamar o método listar, creio que o código (sem variável) fica mais legível assim:

(new Usuario()).listar();

Isso mostra claramente para uma pessoa que está lendo o seu código que primeiro você está criando um objeto do tipo Usuario e, logo após, chamado o método listar desse objeto criado.

2

Resumidamente: uma implementação guarda a referência do objeto em uma variável. Com isso, você poder usar esse objeto em outro ponto do algoritmo. Já a segunda implementação, gera apenas uma instância de usuário para executar o método listar e não guarda a referência em uma variável, impossibilitando o uso dela em outros pontos do algoritmo.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.