1

Eu tenho o seguinte pedaço de código que visa criar um buffer para o nome do arquivo que será criado com base em algumas informações fornecidas na instanciação da classe:

char fileName[size];
memset(fileName,'\n',size);
sprintf(fileName, "%s/%s%s-%05u.%s", filePath.c_str(), filePrefix.c_str(), date, this->image_counter++, fileExtension.c_str());
cv::imwrite(fileName, frame);
delete[] fileName;

Ao compilar tal código estou recebendo a seguinte mensagem:

ObjectTracker.cpp: In member function ‘void ObjectTracker::PersistImage(cv::Mat&)’:
ObjectTracker.cpp:80:20: warning: ISO C++ forbids variable length array ‘fileName’ [-Wvla]
  char fileName[size];
                    ^
ObjectTracker.cpp:85:11: warning: deleting array ‘fileName’
  delete[] fileName;
           ^

Qual seria a forma mais elegante e técnica para se escrever tal código e assim evitar este erro?

Estou usando C++11;

2 Respostas 2

2

Dois erros:

  1. A linguagem C permite a criação de arrays na pilha de tamanho variável, mas C++ não. Em C++ o tamanho dos arrays alocados na pilha deve ser conhecido em tempo de compilação.
  2. Você está dando delete para liberar memória de um array alocado na pilha. Isto não é permitido, nem necessário. Objetos criados na pilha são destruídos automaticamente no final do escopo que os declarou.

Se o array for ter um tamanho fixo, definido em tempo de compilação, não é necessário dar delete[] nele.

Se o tamanho dele for variável, então você vai precisar fazer alocação dinâmica. Algumas opçoes:

Gerenciamento manual:

char *fileName = new char[size];
memset(fileName,'\n',size);
sprintf(fileName, "%s/%s%s-%05u.%s", filePath.c_str(), filePrefix.c_str(), date, this->image_counter++, fileExtension.c_str());
cv::imwrite(fileName, frame);
delete[] fileName;

Gerenciamento automático com unique_ptr:

std::unique_ptr<char[]> fileName(new char[size]);
memset(fileName.get(),'\n',size);
sprintf(fileName.get(), "%s/%s%s-%05u.%s", filePath.c_str(), filePrefix.c_str(), date, this->image_counter++, fileExtension.c_str());
cv::imwrite(fileName.get(), frame);
//Não é necessário dar delete, quando o unique_ptr sair de escopo ele liberará a memória

Os dois testes geram exatamente o mesmo assembly, como pode ser verificado aqui em um exemplo simplificado: https://godbolt.org/g/Z1nJ9A. Não há nenhuma perda de desempenho pelo uso do std::unique_ptr.

Outra opção é com o std::vector:

std::vector<char> fileName(size, '\n');//Cria um vector de tamanho size, preenchido com \n
sprintf(fileName.data(), "%s/%s%s-%05u.%s", filePath.c_str(), filePrefix.c_str(), date, this->image_counter++, fileExtension.c_str());
cv::imwrite(fileName.data(), frame);
//Não é necessário dar delete, quando o vector sair de escopo ele liberará a memória

Mas nesse caso o código gerado é um pouco inferior.

  • Obrigado pela resposta, foi muito esclarecedora, no caso do vetor acho que seria pesado para o que desejo como pode ser visto no código acima é apenas um buffer temporário que será criado milhares de vezes e precisa ser muito muito rápido mesmo, tanto pelo tempo como sobrecarga do processador (Cortex-A) no caso da segunda opção qualo impacto de se usar o unique_ptr, quais são suas principais características? – Delfino 11/10/16 às 10:56
  • 1
    Fiz uns testes e atualizei a resposta. Como esperado, o unique_ptr é uma abstração "gratuita", o código gerado é o mesmo do gerenciamento manual de memória. Já o vector me decepcionou um pouco. Acho que o construtor dele é um pouco complicado demais para os otimizadores. – C. E. Gesser 11/10/16 às 11:21
0

Em C++ eu faria o seguinte:

string fileName = filePath + "/" + filePrefix + date + to_string(image_counter++) + fileExtension + "\n";
cv::imwrite(fileName.c_str(), frame);

Uma deficiência do código acima é que o contador não fica formatado com 5 posições. Acho que não existe um jeito fácil e legal de resolver isso em C++ puro, sem usar sprintf, e mesmo com sprintf acho meio gambiarra. Uma maneira sem usar sprintf é esta:

string counter = to_string(image_counter++);
string zeros(5-counter.size(), '0'); // supoe que counter nao vai ser maior que 99999
string fileName = filePath + "/" + filePrefix + date + zeros + counter + "." + fileExtension + "\n";
cv::imwrite(fileName.c_str(), frame);

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.