30

No R isso seria muito simples:

funcao <- function(x=10) return(x)

Se você chamar funcao() sem argumentos o resultado será 10.

Como fazer o mesmo em JavaScript? E como saber se existem valores default na função sem ter que ler o código?

  • Eu tentei uma forma de verificar valores default, mas esbarrei num problema: Falso-Positivo, eu implementei o seguinte: verificar se o tipo era undefined no começo e no final fazia uma verificação no tipo novamente, se tivesse mudado é porque tem valor padrão, mas quando passava um parâmetro ela me retornava que não havia um valor padrão mesmo existindo. – Laerte 9/05/14 às 17:00
  • Adicionei uma resposta com um um método para facilitar a definição de valores padrão. Se alguém se interessar, e quiser contribuir Function.prototype.WithDefaults. – Miguel Angelo 9/05/14 às 19:58
  • Achei uma outra forma de fazer, mais simples do que o que eu fiz, mas igualmente útil: cjwainwright / withDefaults.js – Miguel Angelo 9/05/14 às 20:29
36

As outras respostas estão corretas no uso geral, mas se você quiser ser super estrito e correto, precisa levar a variável arguments em consideração. Veja isso:

// Função identidade, com argumento padrão 10.
function f(x) {
    x = x || 10;
    // if (x == null) x = 10;
    // x = typeof x !== 'undefined' ? x : 10;
    return x;
}

f()           // => Retorna 10
f(3)          // => Retorna 3
f(null)       // => Retorna 10. Epa! Era para isso retornar null não?
f(undefined)  // => Retorna 10. Também!
f(0)          // => 10? Tá de brincadeira né?

Toda função ao ser invocada recebe uma variável especial chamada arguments. Ela funciona como uma array (tem a propriedade length e pode ser acessada numericamente [0], [1], ...). Para essa função de identidade o mais correto seria fazer o seguinte:

// Agora processando o arguments.
function f() {
    x = arguments.length > 0 ? arguments[0] : 10;
    return x;
}

f()     // => Retorna 10
f(3)    // => Retorna 3
f(null) // => Retorna null. Isso!

Você pode aproveitar ainda para acrescentar um erro caso argumentos de mais sejam usados:

if (arguments.length > 1) throw new Error("Too many arguments! Expected 1.");
16

Em javascript que os browsers atuais (2015) usam teria de ter um if de alguma forma dentro da função. Mas no futuro, com browsers que suportem a nova norma ES6 já é possivel.

O que é possível hoje (2015):

Hoje em dia, com a versão do JavaScript que os browsers usam isso não é possivel. A solução a usar é verificar o valor dentro da função, como referiste na pergunta.

Por exemplo:

function b(a){
   if (typeof a == 'undefined') a = 1;
   return a;
}

Nota: O Firefox já está a implementar algumas das ideias de ES6 mas isso nõ é compatível cross-browser hoje em dia, daí inviàvel em produção.

Com ES6 - "Default function parameters"

Quando a nova versão de JavaScript fôr implementada nos browsers, como o Firefox já está a fazer neste caso, a solução será (segundo o que as especificações da ECMAscript) como é no PHP (e que o Firefox já está a aplicar).

function b (a = 1) {
   return a;
}
console.log(b()); // dá: 1
14
+100

Apenas como curiosidade (já que o padrão que está valendo ainda é o da versão 5).

O ECMAScript 6 (Codinome Harmony) inclui uma proposta de sintaxe para parâmetros com valores padrão. Você já pode experimentar a nova sintaxe no Firefox. De acordo com a Wikipedia a data de lançamento esperada para o novo padrão é Dezembro de 2014:

function multiply(a, b = 1) {
  return a*b;
}

multiply(5); // 5

UPDATE: Atualizando a resposta em Novembro de 2018. O ECMAScript 6, também conhecido como ES2015 foi lançado em Junho de 2015 com suporte à sintaxe acima para default function parameters. Essa nova sintaxe é suportada em versões modernas dos principais navegadores, com exceção notável do Internet Explorer (veja tabela de compatibilidade no MDN).

11

Não há uma forma de fazer isso de forma prática.

Entretanto, essa resposta não me agrada, e sabendo que javascript é uma linguagem tão dinâmica, resolvi usar um pouco do meu tempo para refletir, pesquisar e finalmente, juntando as peças criei um método para permitir indicar valores default de forma fácil.

Como usar:

var funcao = (function(x) { return x; }).WithDefaults([10]);

Ou então, um exemplo um pouco mais complexo, que é suportado pelo WithDefaults:

var myFunc = (function (a) {
    return a + arguments[1];
}).WithDefaults([, "y"]);

Código do método Function.prototype.WithDefaults

(function () {
    var setDefaults = function (a, d) {
        var l = Math.max(a.length, d.length);
        var p = [];
        for (var i = 0; i < l; i++)
            p[i] = i >= a.length || typeof a[i] == 'undefined' ? d[i] : a[i];
        return p;
    }

    var copyProperties = function (to, from, defs) {
        to.innerFunction = from;
        to.toString = function () {
            var strDefs = "";
            for (var i = 0; i < defs.length; i++)
                strDefs += (i > 0 ? ", " : "")
                    + (typeof defs[i] != 'undefined' ? JSON.stringify(defs[i]) : "");

            return "(" + from.toString() + ").WithDefaults(["
                + strDefs + "])";
        };
        for (var key in from)
            to[key] = from[key];
        return to;
    }

    var fnCreators = {
        0: function (f, d, sd, cp) {
            return cp(function () {
                return f.apply(this, sd(arguments, d));
            }, f, d);
        },
        1: function (f, d, sd, cp) {
            return cp(function (p1) {
                return f.apply(this, sd(arguments, d));
            }, f, d);
        },
        2: function (f, d, sd, cp) {
            return cp(function (p1, p2) {
                return f.apply(this, sd(arguments, d));
            }, f, d);
        },
        3: function (f, d, sd, cp) {
            return cp(function (p1, p2, p3) {
                return f.apply(this, sd(arguments, d));
            }, f, d);
        }
    };

    function getFnCreator(numParams) {
        if (typeof fnCreators[numParams] != 'undefined')
            return fnCreators[numParams];

        var paramNames = [];
        for (var i = 0; i < numParams; i++) {
            paramNames[i] = "p" + (i + 1);
        }

        fnCreators[numParams] = new Function("f", "d", "sd", "cp",
            "return cp(function(" + paramNames.join(",") + ") {\
                return f.apply(this, sd(arguments, d));\
            }, f, d);");

        return fnCreators[numParams];
    }

    Function.prototype.WithDefaults = function (defs) {
        var creator = getFnCreator(this.length);
        return creator(this, defs, setDefaults, copyProperties);
    }
})();

Exemplo de uso do método WithDefaults no jsfiddle

  • Hey, ótimo seu código, o resto eu achei meio que uma gambiarra que pode, soou mais profissional o seu, nao devem ter se agradado pela extensão do código, mas este poderia ser inserido nos arquivos jquery.js do site e agir como uma funçao padrao. – Elaine 2/04/15 às 14:15
  • Achei este gist.github.com/cjwainwright/4678359 que é bem mais simples e curto e simples, nao sei se vc que fez mas me cai muito bem, enfim parabéens! – Elaine 2/04/15 às 14:16
  • @user3715916 Este gist não é meu... o código dessa resposta sim é meu. Existe um motivo para eu ter feito dessa forma: manter o length da função gerada. Para uma fn = function(x,y) => fn.length = 2. Para fn2 = fn.WithDefaults([1,3]) => fn2.length = 2. Fiz isso para manter o máximo de informações originais iguais à função original. Note também que até o toString continua retornando a mesma coisa. – Miguel Angelo 2/04/15 às 16:34
  • Atualizei o jsfiddle para comparar a minha solução com a do gist que você indicou. – Miguel Angelo 2/04/15 às 16:38
9

Há algumas maneiras, mas eu prefiro da seguinte forma:

function func(x){
    x = typeof x !== 'undefined' ? x : 10;
    return x;
}

Exemplo

7

Dessa forma:

function Retorno(x){
    if(x == 0)
        return x;

    x = x || 10; // Valor de x caso existir ou 10 que é o padrão
    return x;
}

Recomendo a leitura dessa resposta do Miguel Angelo que explica melhor o funcionamento do ||(ou) como operador de coalescência em Javascript.

  • 4
    Testando com 0 neste caso, o valor retornado é 15, o que não deveria ocorrer. – Carlos Cinelli 9/05/14 às 15:41
  • Isso acontece porque no Javascript 0 é tratado como false, então adicionei um if caso o valor for zero retornar o x – Laerte 9/05/14 às 15:48

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.