3

Tenho que criar uma tabela com 616 itens, cada item possuem 5 detalhes.

Exemplo:

item 1 - Aspirina
Risco: Medio
Lactacao: Alto
Gravide: Baixo

item 2 - Dipirona
Risco: Medio
Lactacao: Alto
Gravide: Baixo ...

Na tabela irá aparecer somente o nome do item (Aspirina, Dipirona, ...) Quando clicado no item da tabela, abre uma detailviewcontroller para mostrar o conteúdo restante.

Qual a melhor forma de se fazer isso? Se fossem poucos itens ate que eu faria isso na mão mesmo, criando instância de objeto, mas com 616, como faço?

7

Vou descrever aqui uma solução que adota a seguinte arquitetura:

  • Os dados são locais ao dispositivo, inicialmente armazenados em memória não-volátil e estão em formato property list;

  • Os dados são carregados da memória não-volátil e armazenados em dicionários na memória. Todos os dados são lidos para a memória de uma só vez e não defini uma classe Medicamento específica;

  • As gradações de risco dos medicamentos são armazenadas como strings

O primeiro passo é criar um arquivo .plist contendo todos os dados a serem apresentados. No menu principal, escolha File > New > File… e então, dentro da categoria iOS, Resource > Property List. Neste exemplo, dei-lhe o nome Medicamentos.plist. Você pode então preencher os dados manualmente. Para esta resposta, eu defini o arquivo como contendo um dicionário com chave “medicamentos”, que, por sua vez, é um vetor contendo uma lista de medicamentos. Cada medicamento individual é um dicionário contendo chaves “nome”, “risco”, “lactacao” e “gravidez”. O arquivo poderia começar diretamente como um vetor, mas ter um dicionário facilita a inclusão de outros dados no futuro sem que seja necessário alterar código que se baseia nos dados antigos.

Dados no formato plist

Se você -clicar o arquivo no navegador de projetos, você pode escolher a opção Open As > Source Code: o Xcode irá exibir-lhe os mesmos dados, desta vez em formato XML:

<?xml version="1.0" encoding="UTF-8"?>
<!DOCTYPE plist PUBLIC "-//Apple//DTD PLIST 1.0//EN" "http://www.apple.com/DTDs/PropertyList-1.0.dtd">
<plist version="1.0">
<dict>
    <key>medicamentos</key>
    <array>
        <dict>
            <key>nome</key>
            <string>Aspirina</string>
            <key>risco</key>
            <string>Médio</string>
            <key>lactacao</key>
            <string>Alto</string>
            <key>gravidez</key>
            <string>Baixo</string>
        </dict>
        <dict>
            <key>nome</key>
            <string>Dipirona</string>
            <key>risco</key>
            <string>Médio</string>
            <key>lactacao</key>
            <string>Alto</string>
            <key>gravidez</key>
            <string>Baixo</string>
        </dict>
    </array>
</dict>
</plist>

Se esses dados vêm de um banco de dados, você pode escrever um script que os formata da forma acima para evitar ter que digitá-los. Além disso, talvez seja mais fácil editar como XML do que visualmente.

Em seguida, você terá uma representação externa dos dados que fará parte do app bundle gerado pelo Xcode e instalado nos dispositivos.

No view controller mestre, você precisa carregar os dados e armazená-los. Neste exemplo, estou armazenando-os em uma variável de instância chamada _medicamentos:

@interface BAVMasterViewController ()
@property (nonatomic, copy) NSArray *medicamentos;
@end

No método -viewDidLoad, escreva o seguinte:

- (void)viewDidLoad
{
    [super viewDidLoad];

    NSURL *plistURL = [[NSBundle mainBundle] URLForResource:@"Medicamentos" withExtension:@"plist"];
    NSDictionary *plist = [NSDictionary dictionaryWithContentsOfURL:plistURL];
    self.medicamentos = plist[@"medicamentos"];
}

O primeiro passo é obter a URL que descreve o local onde está armazenado o arquivo Medicamentos.plist dentro do app bundle. Feito isso, o método +[NSDictionary dictionaryWithContentsOfURL:] lê os dados no formato plist e cria um dicionário (lembre-se de que definimos que o arquivo .plist é um dicionário) com base no arquivo. O dicionário contém uma única chave chamada “medicamentos”, cujo valor é um vetor contendo uma lista de medicamentos. Armazenamos esse vetor na propriedade medicamentos.

Feito isso, basta usar o vetor como os dados do view controller mestre. Cada elemento desse vetor é um dicionário contendo “nome”, “risco”, “lactacao” e “gravidez”. No mestre, exibimos o nome do medicamento:

- (UITableViewCell *)tableView:(UITableView *)tableView cellForRowAtIndexPath:(NSIndexPath *)indexPath
{
    UITableViewCell *cell = [tableView dequeueReusableCellWithIdentifier:@"Cell" forIndexPath:indexPath];

    NSDictionary *medicamento = self.medicamentos[indexPath.row];
    cell.textLabel.text = medicamento[@"nome"];
    return cell;
}

Resultando em:

Exemplo do view controller mestre

Quando o usuário toca um medicamento, seguimos para o view controller detalhe, passando o medicamento escolhido pelo usuário:

- (void)prepareForSegue:(UIStoryboardSegue *)segue sender:(id)sender
{
    if ([[segue identifier] isEqualToString:@"showDetail"]) {
        NSIndexPath *indexPath = [self.tableView indexPathForSelectedRow];
        NSDictionary *medicamento = self.medicamentos[indexPath.row];
        [[segue destinationViewController] setMedicamento:medicamento];
    }
}

Note que o view controller detalhe recebe -setMedicamento: para saber qual medicamento exibir. Além disso, contém labels para cada dado exibido:

@interface BAVDetailViewController : UIViewController
@property (strong, nonatomic) NSDictionary *medicamento;
@property (weak, nonatomic) IBOutlet UILabel *riscoGeralLabel;
@property (weak, nonatomic) IBOutlet UILabel *riscoLactacaoLabel;
@property (weak, nonatomic) IBOutlet UILabel *riscoGravidezLabel;
@end

Ao receber um medicamento, ele é armazenado e a view é configurada:

- (void)setMedicamento:(NSDictionary *)medicamento
{
    if (medicamento != _medicamento) {
        _medicamento = medicamento;
        [self configureView];
    }
}

E, na configuração da view, os dados do medicamento são enviados para os labels e o título do detalhe recebe o nome do medicamento:

- (void)configureView
{
    // Update the user interface for the detail item.

    if (self.medicamento) {
        self.title = self.medicamento[@"nome"];
        self.riscoGeralLabel.text = self.medicamento[@"risco"];
        self.riscoLactacaoLabel.text = self.medicamento[@"lactacao"];
        self.riscoGravidezLabel.text = self.medicamento[@"gravidez"];
    }
}

Resultando em:

Exemplo do view controller detalhe

Esta é uma solução simples. Algumas alternativas para a arquitetura da solução:

  • Obter os dados de servidores Web, quiçá com cache local no aplicativo;

  • Usar outro formato de serialização. JSON é popular em serviços Web e nada impede que seja usado localmente. Se os dados forem muitos e tê-los todos em memória (como ocorre com plist e JSON) não é viável, você pode usar Core Data ou SQLite. Da forma como você apresentou — 616 medicamentos —, não precisa preocupar-se com memória;

  • Em vez de usar strings literais para as chaves do dicionário, usar constantes. Isto evita erros de digitação e torna mais fácil alterar chaves se e quando necessário;

  • Em vez de usar dicionários para armazenar os dados dentro do processo, convertê-los de dicionários para instâncias de uma classe modelo, e.g. Medicamento, que contém propriedades para cada dado. Desta forma, fica mais claro que dados estão disponíveis e quais os respectivos tipos. O Mantle é um framework do GitHub que pode ajudá-lo na manutenção desse tipo de classes modelos;

  • Em vez de armazenar as gradações de risco como strings, você pode armazená-las como números (e.g. 1 para Baixo, 2 para Médio e 3 para Alto) e convertê-los para strings apenas ao apresentar os dados. Isto irá reduzir a memória usada pelo processo dado que números são representados mais compactamente do que strings.

  • Ola, nao chamaria isso de resposta de um ótimo tutorial, agora deixa eu lhe perguntar, e se eu precisar de adicionar um Search com o NSPredicate para filtrar com os nomes dos medicamentos como funcionaria isso para eu nao perder a referencia na detailviewcontroler, Muito Obrigado – user3618255 9/05/14 às 18:02
  • Perfeito, me ajudou muito ! Eu precisava fazer um exemplo de diretório, com tableview e comecei a partir do seu exemplo. Muito obrigado – user13807 31/07/14 às 16:43

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.