11

Quando quero adicionar um listener de algum evento em Javascript uso o addEventListener.

document.addEventListener('click', function (e) {
      alert('clicked');
})

Porém percebi que, em alguns códigos, usa-se um terceiro parâmetro, que creio ser um Boolean. Mais ou menos assim:

document.addEventListener('click', function (e) {
      alert('clicked');
}, false)

Li a documentação do Mozilla para ver do que se tratava, mas acabei ficando mais confuso com a explicação.

Alguém podem me esclarecer com alguma exemplo para que serve esse terceiro parâmetro de addEventListener?

  • Wallace: A resposta era o que procuravas? – Sergio 5/09/16 às 17:05
  • @Sergio eu costumo demorar um pouquinho para marcar elas. Obrigado por me lembrar (sem querer abusar, acho que sempre precisará me avisar) – Wallace Maxters 5/09/16 às 17:37
  • Fazes bem em esperar, neste caso fiquei só curioso se faltava algo. – Sergio 5/09/16 às 17:38
19

O terceiro parâmetro chama-se capture e define se o addEventListener deve responder a eventos que descem no DOM, ou sobem no DOM.

Basicamente o evento percorre dois caminhos quando acontece. Se clicares num elemento por exemplo, primeiro serão chamados os addEventListener que tiverem true no terceiro argumento, de cima para baixo no DOM. Depois serão chamados os addEventListener que tiverem false (ou nada) no terceiro argumento, de baixo para cima no DOM. O evento percorre sempre dois caminhos (se não for parado). Começa no document desce de elemento em elemento até encontrar o alvo, e depois percorre o mesmo caminho de volta.

Essas duas fases são chamadas capture phase e bubling phase, respetivamente fase de captura e fase de ascenção. O sitio onde muda é o event.target, ou seja quando a phase de captura encontrar o elemento que originou o evento. O que distingue em que fase o addEventListener é accionado é esse terceiro argumento capture.

Um exemplo prático seria:

function logCaptura(e) {
    console.log(this.tagName, 'fase de captura');
}

function logBubble(e) {
    console.log(this.tagName, 'fase de bubling');
}


document.querySelector('section').addEventListener('click', logCaptura, true);
document.querySelector('div').addEventListener('click', logCaptura, true);
document.querySelector('button').addEventListener('click', logCaptura, true);

document.querySelector('section').addEventListener('click', logBubble);
document.querySelector('div').addEventListener('click', logBubble);
document.querySelector('button').addEventListener('click', logBubble);
<section>
    <div>
        <button type="button">Clica-me!</button>
    </div>
</section>

Os auscultadores de eventos são disparados de cima para baixo no DOM e depois de baixo para cima. E neste exemplo é irrelevante a ordem em que forem adicionados.

Esse argumento é útil para termos a certeza que apanhamos um evento "em primeira mão" e a tempo de impedir a sua propagação no DOM. Repara na diferênça nesta versão com um e.stopPropagation();: https://jsfiddle.net/kqLkdk3c/

Neste caso do exemplos auscultadores de eventos sem o capture true não chegam sequer a ser chamados.

Mais informação na MDN.

  • 3
    +1. Gostei da explicação. – Wallace Maxters 29/08/16 às 12:31
  • 2
    É sempre bom auscultar suas explicações :) – bfavaretto 30/08/16 às 0:08

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.