2

Tenho o seguinte código:

$config = new \Skreth\System\Config(dirname(__DIR__) . '/config/config.ini');
$config = $config->getProperties();

Crio uma instância declarada na variável $config e logo em seguida a lhe dou um novo valor que é pra receber um objeto. As minhas dúvidas são:

  • É correto fazer isso, pode causar algum tipo de problema?
  • Existe outra maneira mais prática de fazer algo semelhante?
  • É possível eu retornar valores em instâncias de classes além de string com o __toString?

Edição

Como posso fazer o mesmo com este?:

$SE_lang = $conn->prepare('SELECT Language FROM Language');
$SE_lang->execute();
$SA_lang = $SE_lang->fetchAll(\PDO::FETCH_ASSOC);

É possível simplificá-lo? A maioria das vezes crio variáveis $SE_... inúteis por conta disso, tentei aplicar o exemplo da reposta, mas não consegui!

2

É correto fazer isso, pode causar algum tipo de problema?

Bem, creio que isso depende muito de opinião, mas se quiser ouvir a minha, então aí vai.

Mas a principio, não tem problemas. Você está apenas sobrescrevendo um valor de uma variável.

Por questão de legibilidade, creio que cada variável deve "significar" alguma coisa. No seu caso, $config = new Config ao meu ver faz todo sentido, já que o nome da classe tem relação com o nome da variável. Porém, ao você declarar $config = $config->getProperties() perde um pouco de sentido, pois a final, você vai chamar de "configuração" as propriedades da configuração?

Então, ao meu ver faria mais sentido:

$config = new \Skreth\System\Config(dirname(__DIR__) . '/config/config.ini');
$properties = $config->getProperties();

Vale lembrar que essa é a minha opinião, mas usar o bom senso é algo que é bom todas as pessoas aplicarem. Se você pensar que outra pessoa (caso esteja trabalhando em conjunto) vai ter que entender o seu código, então você vai ter que se preocupar também com a legibilidade.

Existe outra maneira mais prática de fazer algo semelhante?

Se esse "mais prático" significar "simplificar a sentença", sim, existe. E claro, isso vai depender da versão do PHP que você está usando.

Por exemplo, se você quer apenas acessar o método Config::getProperties(), sem ter que utilizar uma variável para armazenar a instância de config (levando em consideração que você nem vai usar outros método, mas apenas o que é invocado a seguir), você poderia fazer assim:

   use \Skreth\System\Config;

   $properties = (new Config((dirname(__DIR__) . '/config/config.ini'))->getProperties();

Assim, você simplifica a chamada de getProperties, sem ter que armazenar a instância numa variável para depois chamar outro método.

Nota: Observe que eu usei o use, para simplificar a utilização de Config.

Essa funcionalidade se chama Class member access on instantiation e está disponível a partir do PHP 5.4.

É possível eu retornar valores em instâncias de classes além de string com o __toString?

Sim, e você não imagina quantas maneiras o PHP tem de resolver isso!

Você pode usar os métodos mágicos __get ou __set, além de também poder usar a interface mágica ArrayAccess, que permite você prover uma interface para sua classe, onde você pode acessar os dados como se estivesse manipulando um array.

Vou dar alguns exemplos.

Exemplo da implementação de ArrayAccess. Você precisa definir 4 métodos, que representa a definição, obtenção, exclusão e verificação dos dados, como se fosse um array.

use Skreth\System\Config as BaseConfig;

class Config extends BaseConfig implements ArrayAccess
{
    public function offsetGet($key)     
    {
        return isset($this->props[$key]) ? $this->props[$key] : null;
    }

    public function offsetSet($key, $value)
    {
        $this->props[$key] = $value;
    }

    public function offsetExists($key)
    {
        return isset($this->props[$key]);
    }

    public function offsetUnset($key)
    {
        unset($this->props[$key]);
    }
}

$config = new Config('file.ini');

var_dump($config['db']); // chama offsetGet

var_dump(isset($config['db']); // chama offsetExists

$config['db'] = [/**...**/]; // chama offsetSet

unset($config['db']); // Chama offsetUnset

Exemplo com métodos mágicos __set e __get. Utilizei também __unset e __isset, para ficar semelhante ao exemplo acima:

use Skreth\System\Config as BaseConfig;

class Config extends BaseConfig implements ArrayAccess
{

    public function __set($key, $value)
    {
        $this->props[$key] = $value;
    }

    public function __get($key)
    {
        return isset($this->props[$key]) ? $this->props[$key] : null;
    }

    public function __isset($key)
    {
        return isset($this->props[$key]);
    }

    public function __unset($key)
    {
        unset($this->props[$key]);
    }
}



$config = new Config('file.ini');

var_dump($config->db); // chama __get

var_dump(isset($config->db)); // chama __isset

$config->db = [/**...**/]; // chama __set

unset($config->db); // Chama __unset

Agora, se a pergunta sobre o __toString estiver relacionado a diferentes retornos de tipos (como por exemplo um __toArray), não, ainda não temos isso em php.

  • É bom eu adicionar no PHPDoc da classe por exemplo @property array db? – Vinícius Lima 19/08/16 às 19:25
  • @ViníciusLima sempre é bom documentar. Até mesmo porque, dependendo da implementação, você vai querer que apenas um tipo de dados seja aceito na entrada. – Wallace Maxters 19/08/16 às 19:38
  • Como posso fazer algo semelhante com consultas da classe PDO? é possível, adicionei a pergunta :D – Vinícius Lima 20/08/16 às 1:32

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.