1

Tenho um script shell/bash que funciona perfeitamente para fazer backups, o problema é que tenho arquivos grandes que estão dando problemas na execução do script. O script tem q compactar o arquivo no formato tar.gz e ele faz isso, mas quando chega em 6GB +ou- o script continua compactando o arquivo mas passa pras próximas linhas e o backups fica com falhas, o servidor deve ter um set_time_limit; igual no php, no arquivo php que chama o shell/bash eu uso set_time_limit(0); e funciona muito bem, o shell/bash tem algo parecido tb ?

O script:

MYSQLDUMP="$(which mysqldump)"
$MYSQLDUMP -u $DBUSER -h $DBHOST -p$DBPASS $DBNAME | gzip > $TIMESTAMP.sql.gz

ssh $USER_SSH@$HOST_SSH "tar -zcf - $HOME" > $TIMESTAMP.backup.tar.gz

tar -zcf $TIMESTAMP.tar.gz $TIMESTAMP.backup.tar.gz $TIMESTAMP.sql.gz

SUCCESS=$?

rm $TIMESTAMP.sql.gz
rm $TIMESTAMP.backup.tar.gz

Não coloquei as váriaveis pois acho q não é necessário.

Antes de terminar o tar ele remove os 2 arquivos das linhas finais ... se o arquivo for inferior a cerca de 6 GB ou 7GB isso não acontece

  • Não entendi porque limitar o tempo. Pois nesse caso não poderia interromper o processo? A sua questão não seria sobre execução síncrona? – Daniel Omine 28/08/16 às 10:24
  • O GNU tar possui um parâmetro chamado --checkpoint com o qual poderá criar um callback. Assim, a execução seguinte só seria invocada quando o processo corrente completar. – Daniel Omine 28/08/16 às 10:27
  • @DanielOmine tem algum exemplo do uso desse --checkpoint ? se puder posta uma resposta – Alan PS 30/08/16 às 19:49
1

Você pode pedir para o cliente SSH informar o servidor que ele está ativo (alive) a cada n segundos, inserindo a seguinte opção:

ssh -o ServerAliveInterval=30 $USER_SSH@$HOST_SSH ...

Neste exemplo: 30 segundos. O parâmetro é -o ServerAliveInterval=<tempo-em-segundos>.

Maiores detalhes aqui.

  • se eu coloco o -o ServerAliveInterval=30 ele exclui os arquivos ainda mais rápido, to tentando o contrario doq vc falou, colocando -o ServerAliveInterval=3600, vamos ver... – Alan PS 10/08/16 às 14:54
  • Não funcionou tb :/ – Alan PS 10/08/16 às 15:01
  • tar: ServerAliveInterval=3600: Cannot stat: No such file or directory – Alan PS 10/08/16 às 15:17
  • Você tá especificando o parâmetro no comando ssh ou no comando tar?! – Victor T. 10/08/16 às 15:20
  • estou colocando o comando desse jeito: ssh -o ServerAliveInterval=3600 $USER_SSH@$HOST_SSH "tar -zcf - $HOME" > $TIMESTAMP.backup.tar.gz – Alan PS 10/08/16 às 15:25
1

Existem algumas alternativas.

Uma delas é o comando timeout.

Executa um comando com um limite de tempo, executa o comando fornecido e finaliza se ele ainda estiver em execução após o intervalo de tempo especificado.

Onde o limite de tempo pode ser:

  • s para segundos (padrão)

  • m para minutos

  • h por horas

  • d para dias

Sintaxe:

timeout <opções> <duração> <comando> <args..>

Exemplo:

timeout 10 ./script1.py

O exemplo acima vai executar o arquivo script1.py, se depois de 10s o arquivo ainda estiver em execução, o mesmo é encerrado.

Uma outra alternativa é:

./script1.py& sleep 10; kill $!

A linha acima vai executar o arquivo script1.py em segundo plano, esperar 10 segundos e encerrar o processo especificando o pid em $!.

Edição

Você também pode num loop verificar o retorno da função responsável por fazer o backup, após o término perguntar ao usuário se ele deseja prosseguir com a execução do script ou não.

#!/bin/bash

function iniciarBackup(){
    echo "Iniciando backup..."

    MYSQLDUMP="$(which mysqldump)"
    $MYSQLDUMP -u $DBUSER -h $DBHOST -p$DBPASS $DBNAME | gzip > $TIMESTAMP.sql.gz

    ssh $USER_SSH@$HOST_SSH "tar -zcf - $HOME" > $TIMESTAMP.backup.tar.gz
    tar -zcf $TIMESTAMP.tar.gz $TIMESTAMP.backup.tar.gz $TIMESTAMP.sql.gz

    return 0
}

function deletarArquivos(){
    rm "$TIMESTAMP.sql.gz"
    rm "$TIMESTAMP.backup.tar.gz"
}


iniciarBackup

while true ; do
   if [ $? -eq 0 ]; then
     echo "Operação de backup concluída!"
     read -p "Você deseja deletar os arquivos? [S/N]" resposta
     case $resposta in
        [Ss]* ) deletarArquivos; break;;
        [Nn]* ) exit;;
        * ) echo "Você deseja deletar os arquivos? [S/N]";;
    esac
   fi
done

echo "Fim do script."
  • @A.S. Aqui pra mim funcionou, você pode postar o código no pastebin.com e colocar o link aqui? – stderr 10/08/16 às 14:54
  • @A.S. Isso é estranho, tente o seguinte: pastebin.com/CaKyQ2xb Veja se ele pede a tua confirmação. – stderr 10/08/16 às 15:21
  • @A.S. Deu certo agora? o script pede confirmação para remover os arquivos? – stderr 10/08/16 às 17:21
  • @A.S. Qual o sistema de arquivos você usa nesse servidor? outra coisa, execute novamente o script e veja os logs do sistema (aqui mostra algumas formas). – stderr 22/08/16 às 19:08
  • como verifico o sistema de arquivos ? e sobre o log do sistema tentei das maneiras do link q mandou mas só tenho acesso a uma, o comando tail, mas não tive permissão rodando ele... – Alan PS 22/08/16 às 19:24

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.