3

Qual a maneira correta de usar o free() nesse caso, sendo que ls_options conterá vários ls_buffer_send?

char **ls_options = (char**) malloc (200*sizeof(char));
char *ls_buffer_send = (char*) malloc (350*sizeof(char));
6

Partindo do princípio que a alocação está do jeito que precisa mesmo, não tem porque complicar, basta usar um free() simples:

free(ls_options);
free(ls_buffer_send);

Aproveita e simplifica a alocação:

char **ls_options = malloc(200);
char *ls_buffer_send = malloc(350);
  • Tenho a impressão de que usar o free dessa forma (direto no vetor de ponteiros) todas as referencias vão ser perdidas. Isso não acabaria gerando o memory leak? – Pilati 27/07/16 às 19:47
  • Que referências? – Maniero 27/07/16 às 19:51
  • ls_options não é um array com 200 "referencias" para char *? Ou seja, 200 ponteiros para string? – Pilati 27/07/16 às 19:54
  • Eu não vi isso nesse código. Eu vi 200 caracteres. Eu fiz a ressalva que a resposta é baseada no que ele postou. Se o código faz outras coisas além disto aí pode ser que tenha que fazer outras coisas. Note que ele está alocando caracteres, não ponteiros. – Maniero 27/07/16 às 20:01
  • 1
    O código está alocando 200 bytes, só isso, se ele vai usar isso de formas criativas eu não sei, mas é a única coisa que está fazendo. E o ponteiro onde essa alocação ocorreu será jogado em ls_options. O código não faz nada a mais. – Maniero 27/07/16 às 20:06
1

Percorrer todo o vetor liberando a memória para cada elemento ativo.

Como está declarando um tamanho fixo para a varável deverá ser feito mais ou menos assim:

int i;
for(i=0; i<200; i++){
    if(ls_options[i] != NULL){
        free(ls_options[i]);
    }
}
free(ls_options);

Mas para isso funcionar corretamente todos os elementos devem ser setados como NULL na inicialização da ls_options

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.