5

Estou precisando guardar os meus alarmes de maneira que depois do dispositivo ser reiniciado sejam colocados novamente em funcionamento.

O problema é que recebo todos eles através da minha base de dados em mysql.

O que me fez pensar que talvez seria boa ideia guardar em uma base de dados offline para depois ser possível colocar novamente os horários a funcionar.

Surgiram então duas perguntas:

  1. Sqlite consegue funcionar totalmente offline?

  2. Se sim, se o utilizador limpar a cache ou os dados. O que acontece com essa base de dados?

  • 2
    SQLite quase sempre é para funcionar offline. Online dá, mas é exceção. – Bacco 26/06/16 às 18:51

2 Respostas 2

5
  1. Sqlite consegue funcionar totalmente offline?

SQLite é uma biblioteca em linguagem C que implementa um banco de dados SQL embutido. Programas que usam a biblioteca SQLite podem ter acesso a banco de dados SQL sem executar um processo SGBD separado.

SQLite não é uma biblioteca cliente usada para conectar com um grande servidor de banco de dados, mas sim o próprio servidor. A biblioteca SQLite lê e escreve diretamente para e do arquivo do banco de dados no disco, ou seja ele trabalha totalmente offline.

  1. Se sim, se o utilizador limpar a cache ou os dados. O que acontece com essa base de dados?

Os dados salvos no banco de dados SQLite não são limpados (deletados), pelo gerenciador de memória, somente procedimentos ou rotinas que acessem os dados podem fazer essa alteração.

Veja também:

Sqlite-sync é uma estrutura para sincronizar dados entre um banco de dados SQLite e um banco de dados MS SQL / MySQL. Com este quadro sua aplicação pode trabalhar completamente off-line (Modo Avião), em seguida, executar uma sincronização automática bidirecional quando uma conexão com a internet se torna disponível.

Aqui tem um projeto com essa arquitetura como exemplo.

5

Você pode criar o banco(sqlite), colocar na pasta Assets do seu projeto e usar o banco offline tranquilamente.

Por exemplo, você pode usar DB Browser http://sqlitebrowser.org para o criar e preencher o .bd, e, além disso, você também pode usar essa biblioteca aqui https://github.com/jgilfelt/android-sqlite-asset-helper pra te ajudar a ler o banco.

Mas porque você não usa simplesmente um arquivo XML ou JSON pra guardar esses dados? Não seria menos trabalhoso?

  • Como é que eu crio um Json para poder ser acedido offline realmente é uma melhor solução e json é algo que eu sei trabalhar se conseguir explicar ficaria agradecido , relembrando mesmo que o utilizador limpe os dados o json tem que continuar com os dados guardados – Tiago Coelho 26/06/16 às 18:35
  • Arquivo XML ou JSON são útil mais para trafico de dados pela rede, não como uso de base de dados. – Marco Souza 26/06/16 às 19:20
  • 1
    As preferencias do usuário, por exemplo, são salvas em um .XML. codetheory.in/saving-user-settings-with-android-preferences, vale uma leitura. – Max Fratane 26/06/16 às 19:52

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.