2

Eu estava dando uma olhada na documentação do Hack.

Sei que essa linguagem é uma modificação do PHP para introduzir a verificação de tipos.

Vi que eles colocam esse exemplo para demonstrar o uso de classes, acho que tem a ver com definição de tipos primitivos.

class Box<T> {
  protected T $data;

  public function __construct(T $data) {
    $this->data = $data;
  }

  public function getData(): T {
    return $this->data;
  }
}

Estou acostumado com as classes do PHP e nunca tinha visto até então uma declaração como essa.

Parece que ele só aceita somente a letra T, pois fiz uns testes aqui na minha máquina com outros nomes, porém gerou erros.

Afinal, o que significa essa declaração Box<T>?

  • 2
    Você quer saber sobre o Box ou o <T> em geral? – Maniero 17/06/16 às 19:00
  • O <T>. O Box eu já sei que é uma classe :´ – Wallace Maxters 17/06/16 às 19:01
  • A resposta resolveu o que procurava saber? Acha que é possível aceitá-la agora? Se não, precisa que algo mais seja melhorado? – Maniero 17/09/16 às 12:17
2

Isto é sobre programação genérica, fundamental em linguagens estaticamente tipadas. Por isso tem em Hack e não no PHP.

Ali o T funciona como uma super variável e terá um valor substituído mais tarde - esse valor só pode ser um tipo de dado. Quando você for instanciar essa classe terá que informar sobre que tipo de dados a instância trabalhará, afinal em linguagem estaticamente tipada todos os dados precisam de um tipo fixo. Essa classe pode encaixotar dados de qualquer tipo. Imagine a loucura que seria criar uma classe nova para cada tipo que precise.

Em uma linguagem dinâmica é mais simples porque ela cria uma indireção e trata os dados de forma genérica e resolve em tempo de execução, podendo dar certo ou não. Em linguagem estática precisa resolver em tempo de compilação dando mais segurança e performance.

É uma forma de instruir o compilador para usar essa classe em uma implementação especial em cada instanciação. Então o compilador gerará por conta própria uma nova versão da classe para cada tipo efetivamente instanciado na sua aplicação. Todos os lugares onde tem um T receberá o tipo a ser instanciado.

Se instanciar com um int (ex.: new Box<int>) a classe interna gerada (você não precisa saber sobre isto) será algo assim:

class BoxInt {
  protected int $data;

  public function __construct(int $data) {
    $this->data = $data;
  }

  public function getData(): int {
    return $this->data;
  }
}

Pode usar o identificador que quiser ali, até porque pode ter vários em classes que dependem de mais de um tipo. Mas precisa ter coerência do seu uso em toda classe. O erro pode ser porque falou mudar em outros lugares onde ainda tinha o T, mas não sei, isso não foi postado, só posso responder especulando.

0

Em c# essa notação serve para você poder instanciar a mesma classe, mas modificar os tipos . É uma declaração de tipo genérica. Por exemplo...

new Box<string>();

e

new Box<int>();

Geram o objeto tipo Box para internamente $data será string no primeiro caso e int no segundo.

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.