4

Possuo o seguinte exemplo de um software que utiliza o Entity Framework, que acessa um banco de dados com apenas uma tabela chamada Produtos com os seguintes campos:

  • Campo int produtoid.
  • Campo string nomeproduto.
  • Campo int categoriaid.

Ele também possui um formulário onde eu realizo o CRUD, veja:

formulario

Aqui segue o código dos dois arquivos gerados pelo EF que é o meu Context e a minha classe Produtos.

Classe Produtos:

namespace CRUD_EF
{
    using System;
    using System.Collections.Generic;

    public partial class Produtos
    {
        public int produtoid { get; set; }
        public string nomeproduto { get; set; }
        public int categoriaid { get; set; }
    }
}

Classe ExemploEFEntities:

namespace CRUD_EF
{
    using System;
    using System.Data.Entity;
    using System.Data.Entity.Infrastructure;

    public partial class ExemploEFEntities : DbContext
    {
        public ExemploEFEntities()
            : base("name=ExemploEFEntities")
        {
        }

        protected override void OnModelCreating(DbModelBuilder modelBuilder)
        {
            throw new UnintentionalCodeFirstException();
        }

        public virtual DbSet<Produtos> Produtos { get; set; }
    }
}

E este é todo o código do meu formulário (Form1.cs):

using System;
using System.Collections.Generic;
using System.ComponentModel;
using System.Data;
using System.Drawing;
using System.Linq;
using System.Text;
using System.Threading.Tasks;
using System.Windows.Forms;

namespace CRUD_EF
{
    public partial class frmPrincipal : Form
    {
        public frmPrincipal()
        {
            InitializeComponent();
        }

        private void frmPrincipal_Load(object sender, EventArgs e)
        {
            lerProdutos();
        }

        private void lerProdutos() 
        {
            ExemploEFEntities context = new ExemploEFEntities();

            IEnumerable<Produtos> produtos = from p 
                                             in context.Produtos 
                                             select p;

            dataGridViewProdutos.DataSource = produtos.ToList();
        }

        private void incluir(string nomeProduto, int idCategoria) 
        {
            ExemploEFEntities context = new ExemploEFEntities();

            Produtos novoProduto = new Produtos()
            {
                nomeproduto = nomeProduto,
                categoriaid = idCategoria
            };

            context.Produtos.Add(novoProduto);
            context.SaveChanges();

            lerProdutos();
        }

        private void btnIncluir_Click(object sender, EventArgs e)
        {
            incluir(txtNome.Text, Convert.ToInt32(txtCategoriaID.Text));
        }

        private void btnAlterar_Click(object sender, EventArgs e)
        {
            alterar();
        }

        private void alterar() 
        {
            ExemploEFEntities context = new ExemploEFEntities();

            int id = Convert.ToInt32(txtProdutoId.Text);

            Produtos produto = context.Produtos.First(p => p.produtoid == id);
            produto.nomeproduto = txtNome.Text;
            produto.categoriaid = Convert.ToInt32(txtCategoriaID.Text);                        

            context.SaveChanges();

            lerProdutos();
        }

        private void deletar() 
        {
            ExemploEFEntities context = new ExemploEFEntities();

            int id = Convert.ToInt32(txtProdutoId.Text);

            Produtos produto = context.Produtos.First(p => p.produtoid == id);

            context.Produtos.Remove(produto);
            context.SaveChanges();

            lerProdutos();
        }

        private void btnExcluir_Click(object sender, EventArgs e)
        {
            deletar();
        }

        private void query(int id) 
        {
            ExemploEFEntities context = new ExemploEFEntities();

            Produtos produto = context.Produtos.First(p => p.produtoid == id);

            txtProdutoId.Text = produto.produtoid.ToString();
            txtNome.Text = produto.nomeproduto.ToString();
            txtCategoriaID.Text = produto.categoriaid.ToString();
        }

        private void dataGridViewProdutos_CellEnter(object sender, DataGridViewCellEventArgs e)
        {
            try 
            {
                int id = Convert.ToInt32(dataGridViewProdutos.Rows[e.RowIndex].Cells[0].Value);

                query(id);
            }
            catch 
            {
                MessageBox.Show("Houve um erro!");
            }
        }
    }
}

Minha dúvida.

Levando em conta toda a estrutura acima gerada pelo Entity Framework eu gostaria de saber como e onde eu poderia implementar as regras de negócio?

Para facilitar e ilustrar a situação vamos considerar a seguinte regra:

Não é permitido cadastrar produtos com o nome exatamente igual.

Como e onde eu implementaria esta regra?

  • 1
    drmcarvalho, cuidado ao declarar o seu contexto fora de um bloco using, isto vai gerar um desperdício de recursos, então sempre faça como nos exemplos do @ismael. – Tobias Mesquita 20/05/16 às 1:50
  • 1
    Quanto a adicionar as restrições, você não precisa usar Repository Patterns , apenas faça uso de Data Annotations e/ou regras no Mapeamento, coisas como tamanho do registro, conjuntos de registros unicos, restriçoes (valor unico, intervalo, maior que outro campo, etc), relacionamentos são facilmente configurados usando DataAnnotations ou no Mapeamento. – Tobias Mesquita 20/05/16 às 1:56
  • A sim, como eu poderia usar os Annotations? Vc poderia publicar uma resposta? – gato 20/05/16 às 2:00
6

Sua pergunta é um pouco complexa em termos de implementação. Regras de negócio não é um assunto fácil de ser discutido. Existe esta pergunta onde é explicado um pouco sobre isso.

Mas, tentando responder um pouco, você pode fazer de algumas formas. Eu aconselho duas formas. Uma é utilizando o DataAnnotations, como o @TobyMosque comenta e a outra forma sera utilizando o IValidableObject.

Não aconselho criar um método apenas para isso, pois o framework e a linguagem que você está utilizando oferecem alternativas melhores.

Usando DataAnnotations, você precisaria criar um novo atributo. Esta resposta possui um exemplo de como implementar.

Caso queira utilizar IValidableObject, pode ver um exemplo nesta pergunta.

  • 2
    Olhando pela tecnologia utilizada na pergunta, a resposta do @ismael é interessante, mas não aconselharia usar o banco para isso. Você possui muitas formas de fazer isso sem criar gatilhos no banco. – Randrade 20/05/16 às 2:28
  • 1
    Se eu colocar todas as formas e exemplos aqui, a resposta ficaria extensa demais, e creio que você não iria conseguir entender muito bem os conceitos. Caso queira mais informações, abra perguntas sobre as dúvidas, que será melhor. – Randrade 20/05/16 às 2:29
4

Por exemplo, antes de inserir ou alterar seu registro, você poderia chamar um método (booleano) com as regras necessárias.

As regras poderiam ser definidas no próprio banco de dados através de triggers ou mesmo stored procedures que seriam chamadas pela aplicação (existem vários prós nesse tipo de implementação).

Focando apenas no problema proposto, veja um exemplo abaixo:

private void incluir(string nomeProduto, int idCategoria) 
{
    if (RegistroValido(nomeProduto, idCategoria))
    {
        using (ExemploEFEntities context = new ExemploEFEntities())
        {
            Produtos novoProduto = new Produtos()
            {
                nomeproduto = nomeProduto,
                categoriaid = idCategoria
            };

            context.Produtos.Add(novoProduto);
            context.SaveChanges();
        }

        lerProdutos();
    }
}


private bool RegistroValido(string nomeProduto, int idCategoria)
{
    bool retValido = false;
    int erro = 0;
    using (ExemploEFEntities context = new ExemploEFEntities())
    {
        //busca na tabela de produtos um com o mesmo nome
        if (context.Produtos.Count(x => x.nomeproduto.ToUpper().Equals(nomeProduto.ToUpper())) > 0)
            erro = 1;

        if (idCategoria == 0)
            erro = 2;
    }

    swicth (erro)
    {
        case 1:
            MessageBox.Show("Não é permitido cadastrar produtos com o nome exatamente igual.","Atenção!");
            break;
        case 2:
            MessageBox.Show("Não é permitido cadastrar um produto sem categoria.","Atenção!");
            break;
        default:
            retValido = true;
            break;
    }

    return retValido;
}

Esse é um dos cenários possíveis.

0

Você teria então várias camadas, por exemplo:

  • ProdutosDAO
  • ProdutosRN
  • ProdutosForm (não gosto de usar controller aqui, gosto meu).

ProdutosDAO teria todos os métodos de CRUD no banco de dados.

ProdutosRN você instancia ProdutosDAO e no método de salvar você pode consultar se já não existe um Produto com mesmo nome, caso positivo lança uma Exception (que seria tratada no form).

ProdutosForm você instancia ProdutosRN para chamar os métodos da regra de negócio e trata da parte visual.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.