4

Está é uma rotina de leitura de um encoder que detecta qual sentido de rotação do encoder. As referencias são os pinos da esquerda e da direita apreciados como bits MSB e LSB. O Código funciona perfeitamente, mas eu não entendo o que acontece exatamente no trecho:

int encoded = (MSB << 1) | LSB;

int sum = (lastEncoded << 2) | encoded;

Alguém saberia me explicar o que ocorre e como funcionam esses operadores das linhas acima? Segue a função completa...

void updateEncoder() {
t = micros();
MSB = digitalRead(encoderPin1); //MSB = most significant bit
LSB = digitalRead(encoderPin2); //LSB = least significant bit
int encoded = (MSB << 1) | LSB; //converting the 2 pin value to single number
int sum  = (lastEncoded << 2) | encoded; //adding it to the previous encoded value
if (sum == 0b1101 || sum == 0b0100 || sum == 0b0010 || sum == 0b1011) encoderValue ++;
if (sum == 0b1110 || sum == 0b0111 || sum == 0b0001 || sum == 0b1000) encoderValue --;
lastEncoded = encoded; //store this value for next time
t = micros() - t;
}

Grato.

4

Isso é uma rotina de leitura similar à "bolinha" de mouse "antigo", e também usado em máquinas que eram comuns em "fliperamas", normalmente de carros de corrida, onde um anteparo redondo com pequenos cortes ou orifícios era posto na frente de 2 sensores óticos para a leitura do volante. Poderia muito bem ser usado numa esteira, com quadrados brancos e pretos propiciando leitura ótica, ou contatos mecânicos.

Os sensores são posicionados numa configuração de "quadratura", onde a sua sequência determina com precisão se o movimento é horário ou antihorário, de acordo com a sequência de "zeros e uns".

Matematicamente, é importante entender os operadores << e >>, que já foram discutidos em outras questões.

Para que servem os operadores | & << >>?

Como funciona o deslocamento de bits em C/C++?


Tomando as explicações das perguntas acima, usando representação binária, vamos analisar a primeira linha da pergunta:

int encoded = (MSB << 1) | LSB;
  1. Supondo que MSB seja 01, o operador << efetivamente desloca o valor para a esquerda, e o resultado é 10

  2. Uma vez feito isso, o operador | (or binário) "mescla" o LSB com o MSB. Supondo que o LSB seja 1, o resultado final será 11

  3. Da mesma forma, na linha seguinte:

    int sum = (lastEncoded << 2) | encoded;
    

    estamos pegando o 11 anterior, e deslocando duas casas para a esquerda, ou seja, transformando o valor em 1100.

  4. Finalmente, pegamos os dados da leitura anterior (obtida da mesma forma que os passos 1 e 2) e mesclamos com o valor da leitura atual. Supondo que a leitura atual seja 01 e a anterior 10, temos o valor final 0110.

Com isto, basta consultar a tabela de quadratura para saber se o valor deve ser incrementado ou decrementado.


Sobre a "mecânica" da leitura

O segredo da leitura está no arranjo dos sensores, dispostos de forma que o orifício e as partes fechadas, ou contatos elétricos ocupem exatamente a distância dos dois sensores, de forma a acontecer o seguinte:

  • 1 e 2 são os sensores
  • AA é o anteparo (a luz não passa e o sensor indica 0)
  • BB é abertura (a luz passa e o sensor indica 1)

Partindo de uma hipotética posição inicial:

AABBAABBAABBAABB 
12                    Leitura: 00

Vamos supor que eu gire a roda ligeiramente para a direita:

ABBAABBAABBAABBA
12                    Leitura  01

Girando mais um pouco para a direita:

BBAABBAABBAABBAA
12                    Leitura  11

E mais um pouco:

BAABBAABBAABBAAB
12                    Leitura  10

No próximo giro, voltamos ao 00.

Neste caso, qualquer par da sequência 00 01 11 10 indica um passo à direita.

Supondo que fosse o contrário, a sequência seria 00 10 11 01, e qualquer combinação destes pares indica um passo à esquerda.

Indo mais além:

  • se eu estiver na posição 00, sei que o passo seguinte só pode ser 01 (direita), ou 10 (esquerda);

  • se eu estiver na posição 01, sei que o passo seguinte só pode ser 11 (direita), ou 00 (esquerda);

  • se eu estiver na posição 11, sei que o passo seguinte só pode ser 10 (direita), ou 01 (esquerda);

  • finalmente, se eu estiver na posição 10, sei que o passo seguinte só pode ser 00 (direita), ou 11 (esquerda);

O que o autor do código acima fez foi pegar essas regras e simplificar numa "tabelinha", para saber quando incrementar ou quando decrementar a variável.


De curiosidade, você pode notar que, consoante com as explicações dadas, não há na tabela do código original uma variação de 00 pra 11, nem de 10 pra 01 ou vice-versa, pois obrigatoriamente, pela disposição mecânica do sensor, um par em estado igual sempre é substituído por um par em estado diferente, e um par diferente sempre é substituído por um par igual caso haja movimento.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.