3

Estou com um problema em um programa de linguagem C que calcula a raiz de uma equação utilizando o método de Newton-Raphson, mais especificamente quando a equação apresenta raízes complexas.

No meu caso a equação que estou utilizando terá raízes reais se a constante c da equação for menor do que zero. Para c maior que zero, a equação terá raízes complexas.

Estou com o seguinte código, onde apresento o valor de c = 0.99 e o programa consegue rodar e obter a raiz real de 5.796753.

Se o valor de c for alterado para qualquer valor maior que 1 o programa entra em um laço infinito e nunca converge.

Alguém teria alguma ideia do que deveria ser feito para convergir em uma raiz complexa?

Estou passando o código em C:

#include<stdio.h>
#include<math.h>
#include<conio.h>
#include<complex.h>

#define c 0.99
#define e 0.00000000000000001
#define F(x) ((c/2)*((log(x+1)-log(x-1))+(2*x/(x*x-1))))

float frac(float a)
{
    float f1;
    f1=(1-((c*a/2)*(log(a+1)-log(a-1))));
    return f1;
}

int main()
{
    float x1,x2,f1=0,f2,er,d;
    printf("F(x) = 1-{(c*x/2)*[log(a+1)-log(x-1)]}\n\n");
    printf("Entre com o valor de x1: ");
    scanf("%f",&x1);
    printf("\nx1 = %f",x1);
    printf("\n________________________________________________________________________________\n");
    printf("     x1      |       x2      |      f1       |       f'1      |  |(x2-x1)/x2|  |  \n");
    printf("--------------------------------------------------------------------------------\n");
    do
    {
        f1=frac(x1);
        d=F(x1);
        x2=x1-(f1/d);
        er=fabs((x2-x1)/x2);
        printf("  %f   |    %f   |     %f  |     %f  |      %f  |   \n",x1,x2,f1,d,er);
        x1=x2;
    }
    while(er>e);
    printf("--------------------------------------------------------------------------------\n\n");
    printf("\n  A raiz da equacao: %f",x2);
    getch();
}
2
  • 2
    Cuidado ao fazer #defines com nomes como c, e e F(x) pois isso pode causar erros obscuros. É melhor você criar uma const float para c e e e F(x) uma funções mesmo.
    – Lucas Lima
    14/04/2014 às 12:44
  • 2
    Não use float para trabalhar com frações, a precisão dele é muito baixa. Use o double ou long double
    – Guilherme
    22/04/2014 às 21:04

1 Resposta 1

1

Se está entrando em um loop infinito, o problema está no while(er>e);, que deve ser sempre verdadeira. Desta forma, deveria verificar se a atribuição que fazes a er está correta: er=fabs((x2-x1)/x2);, além de verificar se o valor definido para a constante e também está correto. Como você está utilizando fabs, está pegando somente valores positivos, que, para o range de um float, por menor que seja (diferente de 0), será sempre maior que e. Sugiro que utilize double no lugar de float para uma maior precisão, e que diminua ligeiramente a precisão de e para maior exatidão.

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.