1

Como verificar se uma tabela existe no jdbc usando Sqlite3?

6

Você pode usar os metadados disponíveis:

  DatabaseMetaData meta = con.getMetaData();
  ResultSet res = meta.getTables(null, null, "My_Table_Name", 
     new String[] {"TABLE"});
  while (res.next()) {
     System.out.println(
        "   "+res.getString("TABLE_CAT") 
       + ", "+res.getString("TABLE_SCHEM")
       + ", "+res.getString("TABLE_NAME")
       + ", "+res.getString("TABLE_TYPE")
       + ", "+res.getString("REMARKS")); 
  }

Veja mais detalhes aqui. Observe as advertências em Javadoc.

  • não funcionou! retorna um exception. Eu só preciso saber se a tabela existe no sqlite . Se ela nao existir um vou criar. é uma pequena verificação – Paulo Rogerio 25/04/16 às 12:06
  • O objeto con é onde você deverá realizar a conexão com o BD SQLite. Você substituiu a "My_Table_Name" pelo nome da tabela que deseja saber se existe? – Ingrid Farabulini 25/04/16 às 15:36
2

No meu sistema, usando NamedParameterJdbcTemplate do Spring, faço assim:

public boolean tabelaExiste(String tableName) {
    HashMap<String, String> param = new HashMap<>();
    param.put("table_name", tableName);
    return namedJdbcTemplate.query("select 1 from sqlite_master where name = :table_name COLLATE NOCASE and type = 'table'", param, ResultSet::next);
}

Explicando:

No SQLite, existe uma tabela principal que guarda todos os seus objetos chamada de sqlite_master. Não vi nenhum caso em que você precisasse alterar os dados dessa tabela, mas a consultar eu considero algo plausível, principalmente para verificar se tem algum dado no banco. Leia mais.

Dentre os campos dessa tabela, 2 pra mim se destacam:

  • type
  • name

O campo type vai determinar qual o tipo de objeto sendo citado. Pode ser table, view, trigger, index etc. O campo name é o nome do objeto. Então, se eu quero buscar por uma tabela chamada MARMOTA, devo prender o nome do objeto E seu tipo. A consulta ficaria assim:

SELECT *
FROM sqlite_master
WHERE
  name = 'marmota' AND type = 'table'

Para garantir que o nome recebido como parâmetro posso diferir de caso do nome que está realmente cadastrado o objeto, posso dizer que estou fazendo uma comparação com um COLLATE NOCASE:

SELECT *
FROM sqlite_master
WHERE
  name = 'marmota' COLLATE NOCASE AND
  type = 'table'

Como simplesmente não me importa o resultado da consulta, apenas se ela retorna algo ou não, eu cito apenas uma constante na parte da projeção dos dados:

SELECT 1
FROM sqlite_master
WHERE
  name = 'marmota' COLLATE NOCASE AND
  type = 'table'

O NamedParameterJdbcTemplate tem como uma das sobrecargas do método query o T query(String, Map<String,?>, ResultSetExtractor<T>), que recebe um parâmetro do tipo ResultSetExtractor<T>.

Um objeto que atenda à essa interface precisa transformar todo um ResultSet em um único objeto do tipo T. No meu caso, o próprio Java inferiu que o meu tipo é Boolean. Para transformar o resultado da consulta em algo que eu possa trabalhar basta verificar se tem resultados no ResultSet, então usei a referência de método ResultSet::next para fazer a transformação ResultSet -> Boolean.


Se você estiver usando algo mais puro, mais próximo do JDBC, basta extrair o que o NamedParameterJdbcTemplate automatiza para você. Ficaria algo assim:

public boolean tabelaExiste(String tableName) throw SQLException {
    try (PreparedStatement pstmt = connection.prepareStatement("select 1 from sqlite_master where name = ? COLLATE NOCASE and type = 'table'")) {
        pstmt.setString(1, tableName);
        try (ResultSet rs = pstmt.executeQuery()) {
            return rs.next();
        }
    }
}

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.