3

Em OOP temos os métodos estáticos (não dependem de nenhuma variável de instância). Citando exemplos:

class Somar {
    public static function soma($a,$b){
        return $a+$b;
    }
}
echo Somar::soma(20,30);

O equivalente do método static da programação OOP são as functions normais da programação estruturada?

    function soma($a,$b){
        return $a+$b;
    }

 echo soma(20,30);

Ou seja, as functions da programação estruturada são statics?

  • Você sabe que pode votar em qualquer coisa também? Dê uma olhada no tour. – Maniero 18/04/16 às 13:32
2

Sim, as funções funcionam como os métodos estáticos, a diferença é que o método está encapsulado em uma classe o que evita conflito de nomes que é mais comum em funções soltas. Apesar do termo usado, isto sequer é o encapsulamento de verdade que observamos em OOP.

Uma função tem visibilidade e escopo global igual ao método estático (embora este possa eventualmente ter sua visibilidade limitada por outro mecanismo).

Tecnicamente um método estático nada tem a ver com OOP. Na verdade o fato de usar uma classe não significa que está fazendo algo OOP. Para dizer que é OOP precisa existir outras características no código.

Na verdade a única diferença entre um método estático e um de instância é que o de instância possui um parâmetro oculto na sintaxe chamado $this e esta variável dá acesso aos membros do objeto. Se não existisse a facilidade de sintaxe, um método de instância:

function exemplo($p1, $p2) {}

Deveria ser escrito assim:

function exemplo($this, $p1, $p2) {}

E obteria o mesmo resultado, pelo menos do ponto de vista de acesso à instância.

Ou seja, na verdade todos métodos são funções.

  • Python é um bom exemplo disso, onde não existe esse Syntax Sugar para o contexto, que no caso do Python, é o "self". – Gabriel Katakura 18/04/16 às 15:25

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.