3

Quando usar delegates. Sendo que se eu tenho um delegate eu aponto para um método correto? Não seria a mesma coisa de criar um método normal? Qual a diferença e quando usar e porquê usar? É melhor? É pior?

3

O delegate é atribuído a uma variável ou passado como argumento de um método, ou ainda como retorno. Não é possível fazer isso com um método normal. Então esse é o motivo para utilizá-lo. Ele é útil quando precisa tratar um determinado código como dado, quando precisa "armazenar" o código em alguma variável.

E o termo variável aí é importante, já que pode trocar o dado quando quiser, ou seja, pode trocar qual é o código que deverá ser executado quando essa variável é executada (sim, nesse caso é possível chamar a variável, inclusive passando argumentos para ela, exatamente como se faz com um método).

Então, como o próprio nome diz, você está delegando a execução para algum código a ser determinado. De certa forma podemos dizer que é um método virtual definido em tempo de execução. Ele dá muita flexibilidade ao objeto que usa esse recurso. O consumidor do objeto pode determinar que comportamento quer dar a um determinado slot.

Não é nem melhor, nem pior, é diferente. Quando precisa "parametrizar" qual é o código a ser executado ele é muito útil. Quando precisa ter uma função de callback, muito comum no uso de eventos, por exemplo. Sempre dá para fazer de outra forma, mas com ele é mais fácil.

Um delegate é uma classe especial que possui um ponteiro para um código (pode até ser um método comum). No C# o delegate precisa ter uma assinatura específica e qualquer (ponteiro para um) código que seja armazenado nele deve atender essa assinatura.

O delegate é um tipo que pode ser declarado para uso posterior, mas também pode usar alguns pré-definidos que serão parametrizados.

Veja mais em Como declarar uma função dentro de outra função em C#?, Qual a diferença entre uma expressão lambda, um closure e um delegate? e Quando e onde usar um delegate no C#?.

Exemplo:

class Exemplo {
    public Func<bool> VerificaAlgo { get; set; }
    public void FazAlgo() {
        if (VerificaAlgo()) {
            WriteLine("é apenas um teste");
        } else {
            WriteLine("a coisa é séria");
        }
    }
}

class Program {
    public void Main() {
        Exemplo teste = new Exemplo();
        teste.VerificaAlgo = new Func<bool>(() => Console.ReadLine() == "teste");
        teste.Fazalgo();
    }
}

Outro:

public Cliente Ache(Predicate<Customer> condicao) {
    foreach (var cliente in lista.Clientes)
       if (condicao(cliente))
          return cliente;
}

Uso:

clientes.Ache(cliente => cliente.Nome.StartsWith("M"));

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.