1

Qual melhor forma de armazenar os itens de um carrinho de compra?

No próprio javascript, no lado cliente ou numa sessão no server, seja usando $_SESSION(php) ou Session["sessao"](C#)

Qual seria melhor? mais seguro e melhor usual para o usuário?

fechada como não está clara o suficiente por Erlon Charles, Silvio Andorinha, brasofilo, Avelino, Tiago César Oliveira 1/04/14 às 12:39

Esclareça seu problema específico ou acrescente outros detalhes para destacar exatamente o que precisa. Do modo como está escrito aqui, é difícil saber exatamente o que você está perguntando. Consulte a página Como perguntar para obter ajuda no esclarecimento desta pergunta. Conheça as regras na central de ajuda e edite a pergunta para que fique adequada.

  • Qual linguagem de programação você está usando? PHP ou C#? – Lucio 1/04/14 às 3:23
8

Na sessão ou em um cookie.

Se você salva no JavaScript, primeiro não vai funcionar se o usuário tiver desabilitado JavaScript, segundo se o browser ou o computador "travar" ele perde todo o seu carrinho (você pode mitigar isso usando localStorage - quando suportado).

Se você usa a sessão, aí depende: o que acontece se o usuário fecha o browser (intencionalmente ou não - mesmo caso acima)? Se todos os dados forem apagados ao final da sessão, então há o mesmo problema. E a performance pode ser pior, se você precisar acessar o banco de dados cada vez que o usuário incluir um item novo.

Usabilidade

Um problema comum com carrinhos de compra é o que acontece quando o usuário abre mais de uma aba ao mesmo tempo, ou usa o botão "Voltar" - nesses casos, o que está aparecendo na tela é uma coisa, o que realmente está no carrinho pode ser outra coisa. Pessoalmente, não sei qual será a expectativa do usuário: a) que o carrinho esteja exatamente igual ele está vendo na tela; ou: b) que o que ele fez numa aba esteja "salvo" de alguma forma, mesmo quando ele mexe na outra. A forma como você implementa tem impacto em um ou outro cenário.

O melhor que tenho a sugerir nesse caso é incluir um token aleatório nos formulários de submissão (por exemplo, como um hidden input) e sempre comparar esse token com aquele do carrinho antes de executar uma ação. Se forem diferentes, mostre a mesma página de novo pro usuário, atualizada - de modo que ele esteja vendo o carrinho correto antes da ação ser feita de fato.

Segurança

Se você estiver usando https como espero que esteja, não faz muita diferença como é armazenado. Você pode assinar os dados do cookie, no servidor, se quiser evitar que o cliente mexa nos valores inapropriadamente (inclusive, é assim que muitas frameworks fazem para manter dados da sessão num cookie - e não no BD - sem comprometer a segurança do site), mas isso pode nem ser necessário.

  • Muito boa sua explicação @mgibsonbr, só em relação aos cookie, se ele tentou fazer uma compra e fechou o site, é por que não quis naquela hora, então não vejo motivo dele deixar salvo sua ultima tentativa de compra, além que teria que expirar esse cookie depois de X tempo. Acho a sessão uma forma bem válida, mas eu poderia usar objeto anonimo não ? para não ter que buscar sempre no banco aquele produto, o que acha? No mais muito bacana sua resposta – Rod 1/04/14 às 12:06
  • @Rod Pois é, eu não sei responder o que os usuários esperariam: manter salvo ou apagar tudo. Acho que cada um espera uma coisa diferente dos sites/programas... Quanto a usar "objeto anônimo", desculpe mas não sei do que se trata. Fala de alguma coisa na cache, em memória? – mgibsonbr 1/04/14 às 19:15
5

No server.

Um dos motivos seria que a variável Session evapora quando o usuário sai do site ou fecha o browser. Neste caso, seria interessante que o site "lembrasse" da última tentativa de compra feita pelo usuário.

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.