1

Estou tentando fazer com que apenas uma classe seja necessária para nomear os subblocks de qualquer metablock que usar essa classe na hora do registro, ou seja, nomeá-los como se fossem valores de parâmetro, mas sem usar um.

Apesar de isso girar em torno de uma API (Minecraft Forge), acho que o problema é mais de Java, então faço aqui uma breve explicação de como funciona o que tenho intenção de fazer.

Um metablock é composto de subblocks, que são variações do mesmo bloco (como por exemplo, o mesmo bloco, mas que só muda a textura e o nome). Cada subblock precisa de um nome para o identificar. Esses nomes são listados na classe ExemploItemBlock em uma String[], e depois são nomeados no formato nomeDoMetablock.nomeDoSubBlock (ex.: ExemploMetablock.azul, ExemploMetablock.verde, etc.), com

// Classe ExemploItemBlock

public static final String[] SUBNAMES = new String[] {"azul", "verde", "amarelo"};

@Override
public String getUnlocalizedName(ItemStack itemStack) 
{
    int i = itemStack.getItemDamage();
    return getUnlocalizedName() + "." + SUBNAMES[i];
}

Depois o metablock ExemploMetaBlock é instanciado e registrado com

// Classe onde são feitos os registros   

public static Block ExemploMetaBlock = new ExemploMetaBlock(); 

GameRegistry.registerBlock(ExemploMetaBlock, ExemploItemBlock.class, "ExemploMetaBlock");

Após isso, tudo funciona sem problemas, porém eu teria que criar uma classe ItemBlock para cada metablock novo que eu quiser fazer, e não acho isso muito prático ou apropriado, achando melhor criar uma única classe para ser usada por qualquer metablock futuro.

Como é possível perceber, o segundo parâmetro do método GameRegistry.registerBlock() (que é um método da API) requer um valor do tipo Class. E é aí que está o problema: como vou tornar a classe ExemploItemBlock dinâmica sem usar instâncias?

Eu até tentei adicionar um parâmetro String[] no construtor da ExemploItemBlock e usar uma instância com os nomes no lugar do nome da classe, mas como era de esperar, acusou incompatibilidade de tipos, pois é apenas Class o tipo aceito.

Eu procurei por toda parte um jeito de fazer isso, mas só encontrei dois jeitos:

1. criar uma classe ItemBlock para cada novo metablock;
2. trocar SUBNAMES[i] no getUnlocalizedName() por i ou itemStack.getItemDamage() nomeando assim os subblocks por números ao invés de nomes (ex.: ExemploMetaBlock.0, ExemploMetaBlock.1, etc.), sem precisar usar o String[] nem nada e se tornando uma classe universal. Porém esse jeito também é bem antiprático, porque depois dificulta bastante na hora de identificar qual subblock é qual.

Então minha pergunta é: há algum jeito de se conseguir uma classe ItemBlock universal, mas nomear os subblocks por nomes (palavras)?

Conteúdo das classes: ExemploMetaBlock, ExemploItemBlock.

1

Acabei encontrando a solução no próprio Forge, como pode ser acompanhado aqui.

Mas pelo bem da informação, vou dar uma explicada sobre a solução.


Não sabia, mas o método GameRegistry.registerBlock() também aceita um quarto parâmetro, do tipo Object[]. Então basta colocar a lista com os nomes dentro do Object[], apenas iniciar a variável String[] da ExemploMetablock, e passar os valores definidos no parâmetro Object[] para a variável String[]. Ficando assim:

public static String[] SUBNAMES;
private IIcon[] icon;

public ExemploMetaBlock(Material material, String name, CreativeTabs tab, String[] subnames)
{
    super(material, name, tab);
    SUBNAMES = subnames;
}

E ao invés de usar a classe ExemploItemBlock, uma classe criada separada, no parâmetro Class, recomendo que use no lugar uma classe que já existe no próprio código do Minecraft e que faz praticamente a mesma coisa que o ExemploItemBlock, que é a classe ItemMultiTexture (isso caso não tenha nada a mais que não tenha na ItemMultiTexture). Ficando o registro assim:

public static final String[] SubNames = new String[] {"azul", "verde", "amarelo", "vermelho"}; 
public static Block ExemploMetablock = new ExemploMetablock(Material.rock, "ExemploMetablock", Tabs.ExemploModTab, SubNames); 

GameRegistry.registerBlock(ExemploMetablock, ItemMultiTexture.class, "ExemploMetablock", new Object[]{SubNames});

Porém, isso não compilará. Ocorrerá o erro NoSuchMethodException na linha do registro (GameRegistry.registerBlock ....).

O construtor da classe ItemMultiTexture pega os valores definidos nos parâmetros do método registerBlock() que correspondem com os tipos dos parâmetros de seu construtor, que são Block, Block, String[].

Foi informado um String[]? Sim. Foi informado um Block? Sim. Foi informado um segundo Block? Não. "Não há tal método", não há um construtor da ItemMultiTexture com parâmetros Block, String[].

Isso acontece porque, como foi dito, o construtor da classe ItemMultiTexture requer dois valores Block.

Para resolver isso, simplesmente crie uma nova classe (ou substitua a ExemploItemBlock) estendendo ItemMultiTexture e que super os dois Blocks no parâmetro. Ficando assim:

public class ItemMultiTextureHelper extends ItemMultiTexture
{
    public ItemMultiTextureHelper(Block block, String[] names)
    {
        super(block, block, names);
    }
}

E o registerBlock() assim:

GameRegistry.registerBlock(ExemploMetablock, ItemMultiTextureHelper.class, "ExemploMetablock", new Object[]{SubNames});

E uma última coisa, mas não menos importante: remova o modificador static do SUBNAMES, caso contrário isso causará a maior bagunça nos metablocks futuros, como por exemplo, todos os sub-blocks dos metablocks sendo nomeados com os nomes dos do primeiro metablock criado, sub-blocks repetidos, etc. (Eu passei por esses problemas agora mesmo, e corrigi removendo o static.) Então o correto é, na verdade, assim:

public String[] SUBNAMES;

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.