5

Estou desenvolvendo uma aplicação que ira funcionar offline no android e sincronizar com uma versão web. Tenho uma API que ira intermediar essa sincronização.

Atualmente a versão android tem um timestamp para controlar as alterações no registro, e a ideia era na hora de sincronizar com a API verificar os registros com data de atualização maior que a data da ultima sincronização.

Porem a duvida é como controlar alterações no relógio do android pois o usuário pode estar com o horário ou data diferentes do correto. Assim poderia ocorrer de o horário do aparelho estar menor que o da ultima sincronização fazendo com que não envie os dados alterados.

  • 1
    Ao iniciar o app Android peça ao serviço web o seu UNIX DateTime, faça o mesmo com o do dispositivo android calcule a diferença e aplique-a para calcular o timestamp. – ramaral 29/01/16 às 14:46
  • @ramaral tua resposta me parece correta, por que não posta como resposta, assim o Alisson pode aceitar como correta. – Tulio F. 10/08/16 às 17:02
  • @TúlioF. Talvez não esteja completamente correcta porque só funciona se a app tiver acesso à internet. – ramaral 10/08/16 às 17:34
4

O método System.currentTimeMillis() retorna quantos millisegundos se passaram desde a meia noite de 01/01/1970. O problema é que ele pode ser alterado pelo usuário ou a própria rede celular.

Sua aplicação pode detectar quando esse relógio for alterado ouvindo aos seguintes broadcasts:

O problema maior é que você não tem controle algum sobre o relógio do device, sabendo disso você pode pensar em uma lógica que atenda a sua necessidade, pode ser simples ou complexa.

Uma alternativa

Em caso de o tempo não ser importante, ao invés de usar timestamp, por que não usar um número de versão? Isso elimina todos os problemas que um timestamp tem.

Incremental

Pode ser incremental, seu servidor manda um número de versão, ex.: 1, na próxima atualização 2 e por aí vai. A App compara a versão na hora de sincronizar, atualiza se estiver com um número menor que a do servidor.

Identificador único

Ou pode ser um identificador único, como um GUID java.util.UUID.randomUUID();. Seu servidor manda esse guid. A App compara se o guid que ela tem é diferente da do servidor, atualiza se estiver diferente.

  • Túlio, eu já tinha resolvido este caso. Usei a opção do incremental. Criei um campo que toda alteração que tiver ele é incrementado, assim consigo saber se houve alteração desde a ultima sincronização. – Alisson Marqui 11/08/16 às 20:59
  • @AlissonMarqui nesse caso o SO estimula você a postar uma resposta a sua própria pergunta e aceitá-la como correta. De forma que outras pessoas que tenham a mesma dúvida possam se beneficiar da solução que você encontrou. – Tulio F. 11/08/16 às 21:01
  • Vou postar a resposta aqui. Obrigado. – Alisson Marqui 11/08/16 às 21:08

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.