0

Esta não é exatamente uma pergunta direta, mas pode ser interessante já que existe outra discussão aqui sobre file_exists vs is_file.

Eu, como muitos programadores, defino variáveis para me achar no ambiente - estrutura de arquivos, tipo assim:

$dirRoot = "/Applications/MAMP/htdocs/";

Quando entra um arquivo, completa-se assim:

$dirArquivo = $dirRoot.$arquivo;

Mas um erro comum é o $arquivo estar vazio (o mané do usuário não preencheu o campo), nesse caso, se testarmos $dirArquivo com file_exists vai ocorrer um falso TRUE. Vejam um código de teste:

$dirRoot = "/Applications/MAMP/htdocs/";
$arquivo = "index.php";
$dirArquivo = $dirRoot.$arquivo;
$txtResult = "Teste file_exists para ".$arquivo."\n";
$txtResult .= "Diretório ".$dirRoot."\n";
$txtResult .= "Caminho para o arquivo ".$dirArquivo."\n";
$txtResult .= "\nNome errado: ";
$txtResult .= (file_exists("nindex.php"))? "TRUE" : "FALSE" ;
$txtResult .= "\nSem diretório: ";
$txtResult .= (file_exists($arquivo))? "TRUE" : "FALSE" ;
$txtResult .= "\nCom diretório (usual): ";
$txtResult .= (file_exists($dirArquivo))? "TRUE" : "FALSE" ;
$txtResult .= "\nSem arquivo (erro comum): ";
$txtResult .= (file_exists($dirRoot))? "TRUE" : "FALSE" ;
echo($txtResult);

Resultado:

Teste file_exists para index.php
Diretório /Applications/MAMP/htdocs/
Caminho para o arquivo /Applications/MAMP/htdocs/index.php

Nome errado: FALSE
Sem diretório: TRUE
Com diretório (usual): TRUE
Sem arquivo (erro comum): TRUE

Vejam que o file_exists retorna TRUE porque é um diretório e existe, e ele testa os dois. Uma alternativa é usar is_file ou combinar assim:

if(file_exists($dirRoot.$arquivo) && $arquivo)

Em ambos os casos, me parece uma gambiarra. Existe alguma maneira certa de lidar com isso? É aceitável programar assim?

8
  • 4
    O mané do usuário não preencheu o campo ou foi o mané do programador que não validou? :P
    – bfavaretto
    24/01/2016 às 21:25
  • 2
    Será que sua pergunta na verdade não é: Quando usar file_exists() ou is_file() ? Também, por que você chama o usuário de mané por ele não ter preenchido algum campo se o seu sistema permite isso? 24/01/2016 às 21:26
  • 3
    "É aceitável programar assim?" Sem validação? Claro que não é aceitável. Basta um programador para evitar falhas que infinitos usuários podem cometer. Entendido isso, de qual dos lados é a responsabilidade de validar os dados mesmo? Ou você acredita na desculpa da "falta de treinamento" que muita empresinha de TI alega quando a coisa não funciona?
    – Bacco
    24/01/2016 às 21:37
  • 2
    @user6492 Você não ofendeu nenhum de nós, só os "pobres" dos usuários – ok, nem sempre tão pobres assim :) Sobre validar, você precisa validar no servidor, JS não basta. Precisa ver se o nome do arquivo veio vazio. Se veio, devolve a pessoa para o formulário, e nem processa. Se a pessoa nem indicou o nome do arquivo, faz sentido você verificar se o arquivo [sem nome] já existe? Não faz! Como mostra a pergunta linkada, o file_exists, apesar do nome, se comporta como um "path_exists", pois verifica o caminho completo. Se ele aponta para um dir que existe, dá true. Não tem como mudar isso.
    – bfavaretto
    25/01/2016 às 2:08
  • 1
    @bfavaretto Você respondeu a pergunta! Eu fiquei pensando e acho que simplifiquei demais a questão e não rendeu a discussão. O problema real ocorreu em um sistema que lê uns metadados e compõe o $arquivo e é composto de várias bibliotecas. Ocorreram erros "em cascata" e ficou difícil descobrir a fonte. O teste então é feito muitas vezes e eu fiquei em dúvida se estava fazendo uma gambiarra muitas vezes. Vou me puxar mais na pergunta da próxima vez!
    – Gustavo
    25/01/2016 às 13:15

0

Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.