3

Estou implementando tokens em um sistema, já tenho o token gerado e salvo o mesmo no sessionStorage. Como posso criar um serviço ou interceptor pra colocar esse token no Header de cada requisição?

Atualmente faço os serviços que são responsáveis pela requisição da seguinte forma:

angular.module("Security").factory("usuarioAPI", function ($http, config) {


  var _autenticar = function(usuario){
    return $http.post(config.baseURL + '/SecurityVraptor/usuario/', usuario);
  };

  var _getUsuarios = function(){
    return $http.get(config.baseURL + '/SecurityVraptor/usuario/listarTodos');
  };

  return {
    autenticar: _autenticar,
    getUsuarios: _getUsuarios
  };
});
2

O modo como faço atualmente é carregar ele automaticamente no inicio do factory e depois apenas fazer a requisição onde eu precisar. A única diferença é que eu utilizo o localStorage ao invés do sessionStorage, mas isso fica facilmente à seu critério.

Exemplo:

var minhaToken;

function setToken() {
    minhaToken = localStorageService.get('tokenName'); //tokenName é um exemplo do nome da `data` aramazenada na storage
};

function getToken () {
   return minhaToken;
};

return {
    setToken: setToken(),
    getToken: getToken
};

E quando for necessário obter o token, digamos que dentro de um controller, basta você fazer a solicitação:

$scope.token = usuarioAPI.getToken();

Deste modo você pode armazenar ela dentro do seu serviço e solicitar sempre que necessário.


Observação importante:

Eu usei localStorageService.get pois é o plugin (de terceiros - não nativo do AngularJS) que utilizo. Você pode escolher dentre as mais diversas opções qual você irá utilizar, seja ele um plugin terceiro ou do próprio AngularJS, veja este link. Eu particularmente prefiro usar este aqui, pois tem mais liberdade e mais opções que o do AngularJS.


Editado:

Para enviar os parâmetros nas suas requisições, você precisa mesclar eles com as que você já possui - presumo eu que seja o config.baseUrl se não, você pode criar uma variável dentro do factory e depois passar para o $http. Veja:

var configHeader;

function setToken() {
    minhaToken = localStorageService.get('tokenName'); //tokenName é um exemplo do nome da `data` aramazenada na storage
    if(minhaToken){
        configHeader = {headers:  {
            'token': minhaToken,
            //e/ou outros valores
        }
    } else {
        //Outra lógica caso o usuario ainda não tenha autenticado.
    };
};

return $http.post(config.baseURL + '/SecurityVraptor/usuario/', usuario, configHeader );
return $http.get(config.baseURL + '/SecurityVraptor/usuario/listarTodos', configHeader );

Obs.: Há um tempo atrás parei de usar deste modo por umas mudanças internas no trabalho e comecei a usar diretamente na url, mas é completamente a seu critério. Também posso estar errando na syntax, pois faz tempo que não mexo nisso, mas acho que você pode pegar a ideia já.

Nas referências do AngularJS na área de $http tem a informação da ordem dos objetos, veja: https://docs.angularjs.org/api/ng/service/$http

  • Entendi, eu fiz com interceptor porém estou tendo problemas. Pois assim todas as requisições são interceptadas e a primeira requisição que é a do login e a que grava os dados no sessionStorage não poderia ser interceptada – DiegoAugusto 19/01/16 às 19:08
  • E como você faz pra passar o token no header a cada requisição? – DiegoAugusto 19/01/16 às 19:10
  • E se você mover o login para um serviço separado sem um interceptor? Eu, por exemplo, possuo o módulo auth que gerencia somente a autenticação/criação de conta. A partir dai, eu utilizo essa lógica, de obter o token (porém dentro do .run) e faço as verificações a partir dali direto no resolve do meu state. Quando ao header, vou atualizar a resposta. – celsomtrindade 19/01/16 às 19:12
  • Verdade, vou tentar deixar o login em um serviço separado. – DiegoAugusto 19/01/16 às 19:14
  • 1
    Ótimo! Bom trabalho! – celsomtrindade 19/01/16 às 19:55
2

Utilize um Interceptor para inserir o bearer token em todas as suas requisições. A implementação a seguir utiliza localstorage para armazenamento.

app.factory('BearerAuthInterceptor', function ($window, $q) {
    return {
        request: function(config) {
            config.headers = config.headers || {};
            if ($window.localStorage.getItem('token')) {

                config.headers.Authorization = 'Bearer ' + 
                $window.localStorage.getItem('token');
            }
            return config || $q.when(config);
        },
        response: function(response) {
            if (response.status === 401) {
                //  Redirect user to login page / signup Page.
            }
            return response || $q.when(response);
        }
    };
});

// Registra BearerAuthInterceptor no stack do provedor $http.
app.config(function ($httpProvider) {
    $httpProvider.interceptors.push('BearerAuthInterceptor');
});

Fonte.

0

Você pode configurar suas requisições para usar sempre o token que definir.

$http.defaults.headers.common.Authorization = 'Bearer ' + token;

Sua resposta

Ao clicar em “Publique sua resposta”, você concorda com os termos de serviço, política de privacidade e política de Cookies

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.