2

Estou com uma situação aqui em que preciso identificar o servidor em que o site está situado. Tem como verificar se um servidor é windows ou Linux através do código php?

  • 1
    phpinfo(); não te mostra? – user28595 6/01/16 às 20:00
  • Não cheguei a ver Diego Felipe, vou verificar – DiChrist 7/01/16 às 12:03
4

Para isso, o PHP tem uma função nativa, e uma constante:

echo php_uname();  // Sistema em execução no momento
echo PHP_OS;       // Sistema usado para BUILD do PHP

Veja o formato do retorno:

php_uname()                                                       PHP_OS    php-uname('s')
Linux localhost 2.4.21-0.13 #1 Fri Mar 14 15:08:06 EST 2003 i686  Linux     Linux
FreeBSD localhost 3.2-RELEASE #15: Mon Dec 17 08:46:02 GMT 2001   FreeBSD   FreeBSD
Windows NT XN1 5.1 build 2600                                     WINNT     Windows NT

Só que tem um cuidado a ser tomado: o PHP_OS retorna qual foi o sistema operacional onde foi feito o build do PHP, e não necessariamente onde está sendo executado.

Claro que normalmente as duas coisas coincidem, mas saber a diferença é importante na hora em que a coisa não funciona como estamos esperando.

A sugestão seria este caminho:

$isWindows = stristr( php_uname( 's' ), 'Windows' );


Parâmetros de modo do php_uname():

  • a (default) Retorna na sequência os ítens s, n, r, v e m;

  • s nome do OS. ex: FreeBSD;

  • n nome do Host. ex: localhost.example.com;

  • r nome do release. ex: 5.1.2-RELEASE;

  • v versão (varia um bocado);

  • m tipo de máquina. ex: i386.


Veja funcionando no IDEONE.

  • Resposta esclarecedora! Funcionou tudo certinho! Vlw! – DiChrist 7/01/16 às 18:41
1
if (stripos(php_uname('s'), 'win') === 0) {
    echo 'windows';
} else {
    echo 'other, probably *unix family';
}

ou

if (DIRECTORY_SEPARATOR == '\\') {
    echo 'windows';
} else {
    echo 'other, probably *unix family';
}

O primeiro modo pode gerar inconsistência caso apareça um sistema linux cujo nome comece com "win". Já pensou em "Winux Operating System"? Pode acontecer, mas é algo difícil.

O segundo modo é mais rápido porém, no futuro pode tornar-se inconsistente. Por exemplo, pode ser que o Windows modifique o separador de diretório para barra normal / ou sistemas linux podem passar a usar barra invertida \. Apesar de ser uma possibilidade muito remota para ambos os casos.

Particularmente, eu utilizo a verificação do DIRECTORY_SEPARATOR.

  • Se ao inves de se verificar se é windows, checar se é unix, nao reduz a margem de erro do primeiro método? – user28595 6/01/16 às 21:03
  • 1
    Dá na mesma e ainda terá uma dificuldade maior em encontrar um identificador comum para "linux" ou "unix". O problema é que linux tem diversas distribuições. E muitas das quais não incluem o termo "linux" ou "unix" no nome exibido. Isso inclui também o OS-X (Apple) que também é um sistema "unix based", por exemplo. Claro que não vai encontrar um hosting oferecendo OS-X como servidor.. foi meramente um exemplo. Porpem, no ambiente de testes, o developer pode ser um usuário Apple. Aí sim teria uma relevância. (dentro do contexto da sua pergunta específico, Diego Felipe) – Daniel Omine 6/01/16 às 21:39

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.