6

Estava analisando essa pergunta feita no SOEN. Lá está ensinando a instanciar uma determinada classe.

Consegui entender mais ou menos como funciona, pois quando eu utilizando meu exemplo, está dando erro na hora de compilar.

class Pessoa {

    int idade;
    float tamanho;

};

int main()
{
     Pessoa pessoa = new Pessoa();
}

Porém aparece o seguinte erro:

error: conversion from ‘Pessoa*’ to non-scalar type ‘Pessoa’ requested Pessoa pessoa = new Pessoa ();

O erro é solucionado quando coloco um asterisco na frente da palavra Pessoa.

 Pessoa* pessoa = new Pessoa ();

Sendo assim, qual é a função do asterisco nesse caso? O que ele indica?

  • É uma boa pergunta, mas mereceu o -1 de alguém. Feliz 2016, rsrsrsrsrs. – Wallace Maxters 5/01/16 às 16:22

1 Resposta 1

8

Como foi usado o operador new, que é um alocador de memória no heap, a única forma de se referenciar ao objeto alocado é através de um ponteiro, e o * é a forma de declarar uma variável dizendo que ela é um ponteiro para um tipo. O new sempre retorna um ponteiro. Ele é equivalente, mas mais flexível, que o malloc() do C.

Então Pessoa * pode ser lido como "ponteiro para Pessoa". Que é bem diferente de apenas Pessoa. Este último teria um tamanho suficiente na variável para toda a estrutura de dados que compõe Pessoa mas para isto não poderia usar o new. No caso de Pessoa * precisa só o espaço para o ponteiro (4 ou 8 bytes nas plataformas mais comuns hoje em dia) na variável. Os dados serão colocados em outro lugar, por isso ele é apontado.

Lembre-se sempre que em C++ você tem que cuidar dos detalhes da memória, você não acessa ela de forma tão transparente quanto em outras linguagens. Isto dá poder, mas traz responsabilidades.

Eu sei que é só um teste, mas para classes tão pequenas é melhor alocar sem o new. E neste caso é melhor usar uma struct do que uma class, ainda que faça pouca diferença real, é só para deixar mais claro que é ideal alocar no stack.

  • 1
    With great power comes great responsibility. – Jorge B. 5/01/16 às 16:12

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.