6

Tenho duas questões com relação as consultas LINQ abaixo:

{    
    //lista de itens do orçamento
    var ids = itensOrcamento.Select(p => p.Id); 
    //Produtos - todos produtos cadastrados
    var produtos = Produtos.Where(p => ids.Contains(p.Id)); 
}
  1. Com relação a Produtos.Where(p => ids.Contains(p.Id)) não consegui interpretar exatamente a função p => ids.Contains(p.Id), ou seja, como descrever esta função (o que ela faz)?
  2. A segunda questão é se esta consultas podem ser otimizadas/melhoradas (juntando em uma consulta única)
  • Com relação a primeira, você não sabe o que o Contains faz? Me parece que sabe para usá-lo. Então não sei qual é a dúvida. A segunda depende do contexto, mas parece que não tem o que fazer. – Maniero 31/12/15 às 20:41
  • Estou confuso com relação ao Contains, pra mim seria p.Contains, ou seja produtos contêm algo. Por isso gostaria de entender Contains neste contexto. @bigown – rubStackOverflow 31/12/15 às 20:45
8

Primeiro vamos entender o SQL que cada uma delas gera:

O contains é um WHERE id in (). Ao executar uma consulta assim:

db.TABELA.Where(p => ids.Contains(p.ID)).ToList();

O SQL gerado é assim:

    SELECT 
    [Extent1].[ID] AS [ID], 
    [Extent1].[CAMPO] AS [CAMPO]
    FROM [esquemateste].[TABELA] AS [Extent1]
    WHERE [Extent1].[ID] IN (cast(1 as bigint))

Diferente do SELECT que na verdade só filtra as colunas que irão retornar:

db.TABELA.Select(p=> p.ID ).ToList();

Vai gerar o seguinte SQL:

    SELECT 
    [Extent1].[ID] AS [ID]
    FROM [esquemateste].[TABELA] AS [Extent1]

RESUMINDO

O seu primeiro caso ele irá pegar TODOS os registros da tabela, mas somente irá retornar a coluna ID. O seu segundo caso vai retornar todas as colunas da tabela onde o id existe em uma coleção de IDs.(Where(p => ids.Contains(p.ID)))

MELHORANDO

Se eu entendi bem o que você está fazendo é pegar os detalhes dos produtos cadastrados em um orçamento. Com certeza você está indo para o caminho certo de juntar as duas, ir apenas uma vez no banco de dados é sempre (99,9% das vezes) melhor que ir duas vezes.

Você pode fazer da seguinte forma:

 var prods = (from io in db.itensOrcamento
              join p in db.protudo on p.ID equals io.ID
             where io.ID_DA_VENDA = XXX
            select p).ToList();

Dessa forma você faz um join das duas tabelas pelo mesmo ID sendo pego na sua primeira consulta e usado na segunda.

ATUALIZAÇÃO

Corrigindo uma questão na resposta segundo o comentário do @TobyMosque. A implementação da pergunta realmente não vai duas vezes, ao fazer minha resposta levei em consideração o uso do .ToList() que coloquei no primeiro SQL feito por mim, depois disso eu não voltei a atenção a questão que a implementação da pergunta não tem esse .ToList()

No caso de se utilizar o join (que coloquei na resposta) ou o in (que está na pergunta) a performance é a mesma.

O ganho de performance seria apenas se você for duas vezes no banco de dados o que seria fazer isso aqui: (que é diferente do que está sendo feito na pergunta)

var t = db.TABELA.Where(p => ids.Contains(p.ID)).ToList();
var produtos = Produtos.Where(p => p.id = t.id).ToList();

Isso gera duas idas ao banco de dados porque ao executar o .ToList() ele vai executar a consulta.

  • 1
    não acho que a implementação deve vá duas vezes no banco de dados, afinal o itensOrcamento.Select(p => p.Id); não está realizando nenhuma consulta, está apenas preparando uma consulta que seja utilizada como parte da segunda. quanto a perfomance, pelo menos no SQL Server não existe vantagem em usar o JOIN, como pode ser visto no seguinte link: NOT IN vs. NOT EXISTS vs. LEFT JOIN / IS NULL: SQL Server – Tobias Mesquita 5/01/16 às 16:29
  • Perfeito comentário. Com certeza absoluta não tem diff entre join e exists, enquanto escrevia a resposta eu voltei a atenção a minha explicação e esqueci que ele não usa o .ToList() na primeira query da implementação dele. Fiz uma atualização na minha resposta. Obrigado pela correção. – Ricardo 5/01/16 às 16:41
2

É difícil responder algo sem conhecer o contexto real. Ao que parece o código está pegando todos os ids dos itens de orçamento. Tenho minhas dúvidas se é isso que queria, mas está fazendo isto.

Depois ele pega cada um dos produtos existentes em algum lugar e procura o id de cada produto na lista de ids encontrados nos item de orçamento. Me questiono se esses ids têm alguma relação com o id de produto, deveria ter, mas é esquisito. Se não tiver, não vai dar certo. Se tiver, a organização parece estranha.

Não pode ser p.Contains() porque p é apenas um dado escalar, o código tem que verificar em uma coleção de dados. p é o produto da vez a ser analisado, não é todos os produtos, p é um elemento, p, não é o mesmo que produtos.

O Contains() sempre analisa o conteúdo de uma coleção e diz se um dos elementos é o que está procurando. É uma busca que não interessa qual é o elemento, e sim se existe ou não, o retorno é booleano.

O corpo do Contains() equivaleria mais ou menos a isso:

foreach (var item in ids) if (item == p.Id) return true;
return false;

Não vejo como otimizar isto. As duas operações são distintas, em objetos distintos. A não ser que em um contexto maior dê para descobrir algo extra ou que tem algo errado. Mas duvido que dê. Só tenho dúvidas se está fazendo o pretendido, aí é outro problema.

A resposta aceita é bastante ineficiente por usar abusivamente o ToList() portanto não use isto, curiosamente a tentativa de melhorar piorou o resultado.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.