5

Olá, Como faço para quando enviar um formulario de contato por exemplo, dar um refresh na página e mostrar a mensagem de envio?

Code: Javascript:

function showAlert(type, message)
{
    if (message !== '')
    {
        if (type === '')
        {
            type = 'success';
            type = 'danger';
            type = 'info';
            type = 'warning';
        }
        $('#alert').removeClass();
        $('#alert').addClass('alert alert-' + type).html(message).slideDown();
        setTimeout("closeAlert()", 15000);
}

$(function ()
{
    $('#alert').click(function ()
    {
        closeAlert();
    });
});

function closeAlert()
{
    $('#alert').slideUp();
    $('#alert').removeClass();
}

HTML:

<div id='alert'></div>

PHP:

echo "<script>
window.onload = function ()
{
showAlert('success', 'Perfil atualizado com sucesso.');
};
</script>";

Exibindo a mensagem de outra forma, só que me parece haver falhas de segurança nisso se não der um jeito..
messages.php

<?php

if (isset($_GET['action']))
{
    $action = $_GET['action'];

    if($action=='registered')
    {
        echo '<div class="alert alert-success">
        <button type="button" class="close" data-dismiss="alert">&times;</button>
        <strong>Sucesso!</strong> avaliação cadastrada obrigado pela colaboração.
        </div>';
    }
}
?>

Ai eu incluo as mensagem onde eu quiser:

include("/system/messages.php");

e chamo via _GET:

echo '<script language= "JavaScript">
location.href="?p=cadastro&action=registered";
</script>';

Com isso o invasor pode, por exemplo, colocar um caminho de um script externo no lugar da variável: http://www.meusite.com.br/?p=http://sitedumal.net/deleta-banco.php O seu site incluiria o arquivo normalmente e executaria tudo que existe dentro dele… O resto você já pode imaginar.

Fazer de um modo seguro:

// Define uma lista com os array que poderão ser chamados na URL
    $allowed = array($nomeUsuario, 'perfil-updated', 'perfil-updated-error');

 // Verifica se a variável $_GET['action'] existe E se ela faz parte da lista de arquivos permitidos
    if (isset($_GET['action']) AND (array_search($_GET['action'], $allowed) !== false))
    {
        $action = $_GET['action'];
        if($action=='perfil-updated')
        {
            echo '<div class="alert alert-success">
            <button type="button" class="close" data-dismiss="alert">&times;</button>
            <strong>Sucesso!</strong> Perfil atualizado.
            </div>';
        }
        if($action=='perfil-updated-error')
        {
            echo '<div class="alert alert-danger">
            <button type="button" class="close" data-dismiss="alert">&times;</button>
            <strong>Erro ao atualizar!</strong> Não foi possível atualizar o perfil.
            </div>';
        }
    }
    else
    {
// Se não existir variável $_GET ou ela não estiver na lista de permissões, define um valor padrão
        echo '<script language= "JavaScript">
        location.href="?p=profile&action='.$nomeUsuario.'";
        </script>';
    }
7

Eu já dei +1 na resposta do Pro Hands, pois acho que vai ser difícil ter solução mais simples e objetiva que que essa.

Só postei uma variante, para que fique claro para o autor da pergunta como evitar de alguém mostrar mensagens arbitrárias (o que não teria risco nenhum de segurança, por sinal).

Em vez de passar a mensagem pela query, passaria-se o código dela apenas (você pode fazer isto mantendo o redirect original, para evitar envios duplicados):

http://pagina.com/diretorio?msg=1

E na parte do $_GET, você escolhe a mensagem com o código desejado:

 <?php
    // convertendo o GET para numero
    $msg = isset( $_GET["msg"] ) ? abs( intval( $_GET["msg"] ) ) : 0;

    // de acordo com o numero, mostramos a mensagem correspondente:
    if( $msg == 1 ) {
       echo 'Parabéns, você conseguiu!';
    } elseif ( $msg == 2 ) {
       echo 'Faltou preencher o campo recomendação';
    } elseif ( $msg == 3 ) {
       echo 'Já existe cadastro neste email';
    } else {
       // se o número da mensagem não for 1, 2 ou 3:
       echo 'Ocorreu um problema com a mensagem de retorno.';
    }
    ...

Claro que aí no seu código você põe quantos elseif precisar, e numera as mensagens de acordo com o caso real.


"Enxugando" o código com array:

No lugar do echo, pode simplesmente usar um array com os valores, deixando o código bem curto e fácil de manter:

    $msgs = array(
       'Ocorreu um problema com a mensagem de retorno.',  // 0
       'Parabéns, você conseguiu!',                       // 1
       'Faltou preencher o campo recomendação',           // 2
       'Já existe cadastro neste email'                   // 3
    );

    // pega a mensagem e converte em numero
    $msg = isset( $_GET["msg"] ) ? abs( intval( $_GET["msg"] ) ) : 0;

    // se for maior do que o numero de mensagens, usa a mensagem 0
    $msg = if( $msg > count( $msgs ) ? 0 : $msg );

    echo '<div class="mensagem">' . htmlentities( $msgs[$msg] ) . '</div>';


Aplicando estilos

Se quiser usar estilos diferentes por mensagem:

    $msgs = array(
       'Ocorreu um problema com a mensagem de retorno.',  // 0
       'Parabéns, você conseguiu!',                       // 1
       'Faltou preencher o campo recomendação',           // 2
       'Já existe cadastro neste email'                   // 3
    );

    $estilos = array(
       'vermelho-desastre',  // 0
       'verde-do-bem',       // 1
       'vermelho-erro',      // 2
       'vermelho-erro'       // 3
    );

    $msg = isset( $_GET["msg"] ) ? abs( intval( $_GET["msg"] ) ) : 0;
    $msg = if( $msg > count( $msgs ) ? 0 : $msg );

    echo '<div class="'.$estilos[$msg].'">'.htmlentities( $msgs[$msg] ).'</div>';
6

Uma forma simples é usando $_GET com a mensagem (codificando-a para o URL) na página.

Exemplo:

"http://pagina.com/diretorio?msg=Hello2F%Welcome"

Aí, faça um echo no $_GET["msg"] se existir, onde você quiser.

Seria algo mais ou menos assim:

<div class="_dTC">
    <div class="_vAM">
        <?php
        if(isset($_GET["msg"])){
            echo $_GET["msg"];
        }
        ?>
    </div>
</div>
  • Sim, via _GET eu conseguiu fazer, só que tem dá problemas de segurança pro site – William Alvares 31/12/15 às 16:00
  • Editei meu post, de uma olhada por favor – William Alvares 31/12/15 às 16:10
  • 2
    Basicamente, todos tipos de método que você usar vão resultar no mesmo. Qualquer pessoa pode postar algo para o URL ou criar um cookie. Para evitar essa "insegurança" você deve usar condições if para checar se tal coisa está incorreta, se está vázia ou se já existe. Espero que lhe seja útil. – Hydroper 31/12/15 às 17:20
3

Salve uma flag em cookie e verifique se existe.

Essa técnica é útil também para prevenir envios duplicados. Contudo, não vamos abordar aqui as regras para bloqueio de envio duplicado.

Exemplo de técnica usando somente JavaScript

function createCookie(name, value, days) {
    var date, expires;
    if (days) {
        date = new Date();
        date.setTime(date.getTime()+(days*24*60*60*1000));
        expires = "; expires="+date.toGMTString();
    } else {
        expires = "";
    }
    document.cookie = name+"="+value+expires+"; path=/";
}

if (document.cookie.indexOf("updated") >= 0) {
    alert("ok, foi atualizado");

    // Remove o cookie
    createCookie("updated", 1, -1);
}else{
    // Cria o cookie
    createCookie("updated", 1, 1);
}

Caso esteja usando o Google Chrome, poderá verificar a execução pelo "Developer tools" -> Resources -> Cookies

Nessa imagem, é o estado inicial, quando o cookie foi gerado:

inserir a descrição da imagem aqui

Dê um novo refresh e então surgirá o alerta. Isso acontece porque nesse momento o cookie existe.

inserir a descrição da imagem aqui

Clique em OK para fechar o alerta. Observe que no developer tools que o cookie foi removido.

inserir a descrição da imagem aqui

Um exemplo mais real com PHP e HTML

Esse é o script PHP onde recebe dados de um formulário. Vamos chamar de "tmp.php"

// Recebeu de um formulário, fez as firulas que tinha que fazer e agora está setando o cookie:
if (isset($_GET['foo']))
{
    $cookie_name = 'updated';
    $cookie_value = 1;
    setcookie($cookie_name, $cookie_value, time() + (86400 * 30), '/'); // 86400 = 1 day

    /**
    Isso é necessário quando precisar acessar o cookie na corrente sessão pelo PHP pois a função setcookie() não atualiza os headers. 
    Caso não necessite, apenas remova ou comente a linha abaixo.
    */
    $_COOKIE[$cookie_name] = $cookie_value;
}

/**
Aqui pode fazer um include ou um header(location:...)
Um include consumirá menos em requisições, mas consumirá mais memória pois o PHP vai parsear o arquivo incluso.
Utilize o que for conveniente para o seu caso.
*/
include 'tmp.html';

//header("location: http://localhost/tmp.html");

Esse é a página HTML contendo o formulário e um verificador do cookie. Vamos chamar de "tmp.html"

<html lang="en" xmlns="http://www.w3.org/1999/xhtml">
<head>
<title>test</title>
<META http-equiv="Content-Type" content="text/html; charset=UTF-8">

<script type="text/javascript">

function createCookie(name, value, days) {
    var date, expires;
    if (days) {
        date = new Date();
        date.setTime(date.getTime()+(days*24*60*60*1000));
        expires = "; expires="+date.toGMTString();
    } else {
        expires = "";
    }
    document.cookie = name+"="+value+expires+"; path=/";
}

if (document.cookie.indexOf("updated") >= 0) {
    alert("ok, foi atualizado");

    // Remove o cookie
    createCookie("updated", 1, -1);
}
</script>


</head>
<body>

<form action="tmp.php" method="get">
<input type="hidden" name="foo" value="1" />
<input type="submit" value="enviar" />
</form>

</body>
</html>

Para testar, acesse a página HTML. Exemplo: http://localhost/tmp.html

Pressione o botão "enviar". Será direcionado para http://localhost/tmp.php?foo=1 onde o JavaScript verificará que o cookie existe, emitirá o alert() e logo em seguida removerá o cookie.

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.