2

Tenho uma página com alguns laços de iteração dentro da minha página JSF e aí gostaria de saber como faço para após cada laço limpar esse atributo da página.

Para ser mais claro, eu sei que ao renderizar uma página as vezes um método é chamado algumas vezes, então se cria uma lista por exemplo e a preenche se estiver vazia.

public List<Long> buscarLojas() {
    if (NullUtil.isNull(this.idsLoja)) {
        this.idsLoja = new ArrayList<Long>(this.getPojo().getRelatorioExtratoLojista().keySet());
    }
    return idsLoja;
}

No código acima é feito isso, mas eu gostaria de saber se tem como limpar após sair da execução do laço ui:repeat

Segue meu código da página, esta omitido a maioria das colunas.

<ui:param name="lojas" value="#{bean.buscarLojas()}"/>
<ui:repeat var="loja" value="#{lojas}">
    <ui:param name="filiais" value="#{bean.buscarFilial(loja)}" />
    <ui:repeat var="filial" value="#{filiais}">
        <ui:param name="atendentes" value="#{bean.buscarAtendente(loja, filial)}" />
        <ui:repeat var="atendente" value="#{atendentes}">
            <ui:param name="propostasStatus" value="#{bean.buscarPropostaStatus(loja, filial, atendente)}" />
            <ui:repeat var="propostaStatus" value="#{propostasStatus}">
                <ui:param name="objetos" value="#{bean.buscarObjeto(loja, filial, atendente, propostaStatus)}" />
                <p:panelGrid
                    id="panelGridRelatorioExtratoLojista" 
                    styleClass="panelGridCenter gridNoBackground" 
                    style="width: 100%; white-space:nowrap;">
                    <f:facet name="header">
                        <p:row>
                            <p:column styleClass="columnLeft" colspan="12">
                                <p:outputLabel value="#{bean.criarTituloTabela(objetos[0][4], objetos[0][5], objetos[0][6], objetos[0][3])}"/>
                            </p:column>
                        </p:row>
                        <p:row>
                            <p:column>
                                <p:outputLabel value="Classificação"/>
                            </p:column>
                        </p:row>
                    </f:facet>
                    <ui:repeat var="objeto" value="#{objetos}">
                        <p:row>
                            <p:column>
                                <p:outputLabel value="#{objeto[7]}"/>
                            </p:column>
                    </ui:repeat>
                </p:panelGrid>
                <br/>
            </ui:repeat>
        </ui:repeat>
    </ui:repeat>
</ui:repeat>

A estrutura que abriga os dados é essa:

private Map<Long, Map<Long, Map<Long, Map<Integer, List<Object>>>>> map;
  • Oi Macario, você poderia esclarecer o que você quer dizer por limpar? Parece que você está construindo uma lista de IDs em cima das chaves de um mapa. Você gostaria de limpar o mapa? – Anthony Accioly 8/12/15 às 10:36
  • @AnthonyAccioly eu atualizei o código, como eu disse no texto, muita das vezes vou ficar acessando os métodos na página. E gostaria de a cada chamada dos métodos na página, passar para uma lista, assim que terminar o laço dessa lista, limpar a lista para ela pegar o novo conteúdo, isso tem mais haver com a perfomance na questão da renderização da página JSF. – Macario1983 8/12/15 às 10:41
  • Olá Macario, pelo que entendi você quer usar um map.clear() depois de construir a lista, isso resolveria o problema? Fora do assunto principal, mas será que sua estrutura com quatro mapas aninhados não poderia ser substituída por algo mais orientado a objetos? Em Java é sempre estranho ver algo assim. – Anthony Accioly 8/12/15 às 11:46
  • Cara vc entendeu errado, seria o seguinte, imagina a seguinte situação, vc tem um componente que carrega uma lista a partir de dados do banco. Agora imagina que ao renderizar esse componente, esse método vai ser chamado por exemplo 2 ou 3 vezes, então vai ser chamado 3 vezes no banco, então por isso eu uso a lista para não sobrecarregar, entendeu? – Macario1983 8/12/15 às 11:48
  • Sobre a questão da orientação a objetos, é que o objeto em questão tem esses atributos mas a forma como essa tabela é construída me fez criar essa estrutura. – Macario1983 8/12/15 às 11:49
2

Resumo da conversa com o OP no chat

Problema original: Limpar os dados

O OP estava armazenando todos os dados da consulta e as várias projeções em um Managed Bean @SessionScoped. O consumo de memória estava batendo em mais de 1.5GB, gerando um markup de mais de 130 MB para um único request. O tempo de renderização chegava a mais de 10 minutos.

O requisito original do OP era que os filtros fossem mantidos através de requests, dessa forma recomendei a seguinte solução:

  • FiltroPropostaBean -> Contém Apenas parâmetros do filtro armazenados em sessão (novo Managed Bean)
  • PropostasBean -> Bean Request ou ViewScoped que utiliza os dados do bean de Filtro para fazer a consulta.

Com essa estrutura os dados só vivem tempo o suficiente para serem renderizados, evitando desperdício de memória.

Modelo e projeções

O código original do OP utilizava uma estratégia com ResultTransformer para criar uma projeção:

Map<Long, Map<Long, Map<Long, Map<Integer, List<Object>>>>> map;

Essa era a saída pura de uma query após aplicados os respectivos ResultTransformers.

Como essa estrutura não era facilmente navegável pelo OP, ele acabou criando várias projeções da projeção. Eis o motivo do método buscarLojas, buscarFilial, etc. Com cinco repeaters aninhados esses métodos eram chamados várias vezes, com grande impacto de processamento.

Dessa forma, a questão do OP tinha mais a ver com design do que qualquer outra coisa.

Organizando os dados com DTOs é possível escrever código mais simples para a view, bem como remover os métodos de projeção.

E.g., um único método que retorne uma List<GrupoPropostasDTO>.

class GrupoPropostaDTO {
    private Loja loja; 
    private Filial filial; 
    private Atendente atendente;
    private Loja<Proposta> propostas; 
    // Getters and setters
}

Resolve ambos os problemas. Essa transformação pode ser feita em uma camada intermediaria de serviços ou em um @PostConstruct de ProspotaBean. Dessa forma uma única transformação é feita por request e a view não quebra o MVC chamando métodos para calcular projeções.

Paginação

Finalmente, mesmo com os DTOs a quantidade de dados ainda é massiva. Isso pode ser resolvido com Paginação.

Boas Práticas

Enquanto versões modernas do JSF permitem o uso de vários artifícios interessantes, é bom ponderar antes de utilizar algo que quebre o padrão MVC, bem como boas práticas de desenvolvimento:

  • Mantenha a camada de view burra. Dentro do possível o papel da view deve ser apenas exibir dados, fazer chamadas para métodos complexos na view é um bad smell.
  • Escolha o escopo correto. Quanto menos estado melhor. Nem tudo pode ser feito de maneira 100% Stateless, porém o escopo de sessão não deve ser a escolha padrão.
  • Projete bem a sua camada de modelo. Um bom modelo resolve 99% dos seus problemas.
  • Controllers (ou, no caso de JSF a camada de cola nos managed beans) deve permanecer simples. Controllers pesados são sintomas de views fazendo mais do que devem e camada de serviços / modelo mal projetadas.
  • Estou com uma dúvida pelo seguinte, o sistema implementa Spring pra injeção de dependências. Isso é feito em arquivos diferentes, o problema é que eu setei no arquivo do filter, a classe como session, e no arquivo da view eu coloquei como request mas ao efetuar a pesquisa, parece que a classe dos dados do filtro se perde. Como corrigir isso? – Macario1983 12/12/15 às 10:08
  • 1
    Oi Macário. Vale abrir mais uma nova pergunta. Você deveria ter um escopo só para o Filter (Session). A classe de request apenas injeta o filter e refaz a consulta. – Anthony Accioly 12/12/15 às 11:06
  • Feito! Obrigado. – Macario1983 12/12/15 às 23:09

Sua resposta

By clicking “Publique sua resposta”, you agree to our terms of service, privacy policy and cookie policy

Esta não é a resposta que você está procurando? Pesquise outras perguntas com a tag ou faça sua própria pergunta.